Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Equipe obteve o melhor resultado do Paraná na história da competição

Os acadêmicos da equipe Eng Tec Retorns do curso de Engenharia da Faculdade Pitágoras de Londrina, Felipe Luz Caminha, Helio Mario Oricoli Junior, Marcos Cristiano Buracof e Rogerio Chlusewicz Guilherme, conquistaram o vice-campeonato da etapa nacional do Desafio Sebrae 2011.
O resultado oficial foi anunciado no último dia 22, em cerimônia realizada na sede do Sebrae, em Brasília. Este ano a disputa contou com 160 mil participantes de todo o país. Os alunos conquistaram o direito de participar da semifinal, que reuniu equipes de todos os estados brasileiros, depois de garantirem uma das duas vagas na etapa estadual. A tarefa do Desafio este ano foi administrar uma fábrica de bicicletas.

De acordo com Helio Mario Oricoli Junior, a Eng Tec Retorns tomou decisões certas na semifinal e conseguiu derrotar três equipes. Na final, com os oito times finalistas, os paranaenses lideraram a competição. Para ele, a principal vitória foi o crescimento pessoal. “É uma experiência inexplicável. Tivemos um aprendizado fantástico com a elaboração de um material institucional para uma empresa. Foi um dos melhores momentos do jogo, além da interação com as equipes”, conta.

Marcos Buracof já é veterano no Desafio Sebrae: o estudante já participou do jogo quatro vezes. Na opinião do acadêmico, que acumulou muito conhecimento nas edições anteriores, o diferencial da fase final é o maior envolvimento e a interação do time, além da oportunidade de conquistar novas amizades. “Saí de Londrina com três amigos e voltei de Brasília com amigos do país inteiro. É uma oportunidade única na vida. Espero que esse projeto do Sebrae seja levado adiante para que nossos filhos tenham a chance de vivenciar essa experiência”, acrescenta.

Felipe Luz Caminha acredita que a perseverança e o trabalho em equipe foram os fatores que conduziram o time ao resultado.  Rogerio Chlusewicz Guilherme comenta que a experiência de participar do jogo virtual foi gratificante e que soma pontos no currículo. No futuro, os universitários que tiveram um bom desempenho na competição terão a chancela de uma instituição de credibilidade como o Sebrae, de que são capazes de gerir uma empresa. “É um fator motivador, e os bons resultados aumentaram nossa confiança. Nossa equipe pode ser resumida em uma palavra: determinação”, conclui o universitário londrinense.

Esta foi a melhor colocação de uma equipe do Paraná na história da competição. Para Fernando Ciriaco Dias Neto, coordenador do núcleo de Engenharia da Faculdade Pitágoras de Londrina, a conquista do vice-campeonato comprova a dedicação da equipe administrativa, dos professores e dos alunos na busca de uma formação de qualidade. "Somos uma família e comemoramos como se estivéssemos lá. Esta conquista motiva ainda mais a equipe técnico-administrativa da instituição a continuar com o trabalho que realiza com muita dedicação e esmero. Além disso, todos os alunos da instituição estão felizes e puderam verificar que o esforço despendido aos estudos traz grandes recompensas".  

A premiação incluiu um iPad, uma bolsa integral de estudos na Fundação Getúlio Vargas (FGV), uma bicicleta de última geração da Caloi, entre outros prêmios para cada participante.

(Priscila Rocha/Asimp)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios