Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Estudantes pegam no pesado e dão exemplo de solidariedade (Foto: Agência UEL)Renovar a fachada da Escola de Educação Básica Manaim – Centro Ocupacional de Londrina (COL), localizado no jardim Alto da Colina, com a pintura do muro e calçada. Este é o objetivo dos cerca de 70 calouros do curso de Engenharia Civil que hoje pela manhã (1º/3) pegaram no pesado munidos de tinta e brochas. 

No segundo dia de trabalho, em pouco tempo, o grupo deu outra cara para a instituição de ensino. “É uma forma diferente de integrar os calouros no curso. Eu gostei da iniciativa”, diz a caloura da Engenharia Civil, Jaqueline Hirama. Para a aluna, a pintura da escola é um trote diferente e divertido.

Na opinião do veterano do curso de Engenharia Civil, Gabriel Rheckeler Piedade, a iniciativa mostra que o trote tradicional com ações violentas e vexatórias ficou no passado. “Toda ação de recepção aos calouros agora é transformada em benefícios para a sociedade”, salienta.

A ação é uma promoção do Centro Acadêmico do curso de Engenharia Civil Saburo Morimoto. Segundo a diretora da escola, Ângela Denise Cavalheiro, como o custo da pintura é alto a ação dos calouros é bem-vinda. Segundo ela, agora o muro está limpo e bonito, dando outra aparência para a escola. “É muito importante para a escola a contribuição dos alunos da UEL. A Universidade merece os parabéns”, salienta.

A Escola de Educação Básica Manaim é uma instituição filantrópica fundada em 1985, e hoje atende crianças com autismo e deficiência intelectual, oferecendo estímulos, educação infantil, fundamental e educação de adultos e jovens, além de terapia ocupacional e atendimento psicológico. 

(Agência UEL)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios