Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Constituição Federal está defasada, mas não é o caso de se fazer uma nova. É o que pensa o deputado federal Alex Canziani (PTB), que participou recentemente de solenidades em comemoração aos 30 anos da Carta Magna. Para ele, a Constituição Brasileira continua atual, “embora precise ser alterada em alguns pontos”.

Em entrevista em Brasília, o parlamentar paranaense salientou que a Constituição é o principal catálogo legal do país, mas admite que precisa ser atualizado: “Temos mecanismos para se alterar, atualizar, mas não fazer uma nova Constituinte”.

As leis precisam acompanhar o dinamismo da sociedade, que naturalmente evoluem mais rápido do que as normas ou as regras jurídicas que são escritas, mas não é o caso de o Brasil se desfazer da atual Constituição. O deputado lamenta a existência de um movimento no sentido de se criar uma nova Carta. “É um absurdo o que propõe estas pessoas! Temos que aprimorar sim, tem defeitos sim, mas não fazer uma nova [Constituição]”.

Alex Canziani diz que a atual Constituição é um marco da maior importância, “trouxe direito e poucos deveres, é verdade, mas é importante para a estabilidade social e econômica do Brasil”, destacou.

Ouça um trecho da entrevista aqui.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios