Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Feriado do Dia da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro, está mantido

Núcleo de Comunicação / PML 

Na manhã do dia 31 de outubro, o prefeito de Londrina, Alexandre Lopes Kireeff empossou os membros do Conselho Municipal de Promoção de Igualdade Racial. Os conselheiros foram eleitos na III Conferência Municipal de Promoção de Igualdade Racial. São 15 representantes da sociedade civil titulares e 15 representantes do Poder Público, além de seus suplentes. O decreto n°1.264, nomeia os conselheiros para o biênio 2013/2015.

O desafio do novo Conselho é colocar em prática as ações definidas na Conferência, trabalhar no sentido de aumentar a discussão sobre o racismo, para que ele seja cada vez menor na sociedade e desenvolver políticas públicas de promoção da igualdade racial em Londrina.

Durante a solenidade o prefeito também sancionou a Lei Municipal 11.935/2013, que confere o título de Cidadã Honorária de Londrina, post mortem, a Vilma Santos de Oliveira, a Yá Mukumby.

A gestora municipal de Promoção da Igualdade Racial, Sandra Rocha, ressaltou a importância do conselho municipal, do trabalho em equipe que será desenvolvido pelo órgão e o reconhecimento que Londrina prestou a Vilma Santos de Oliveira. “Esse é um momento histórico para a cidade e para o movimento negro, que depois de tanta luta e trabalho reconhece a importância da dona Vilma nas conquistas da igualdade racial. É um reconhecimento da história da nossa cidade e das pessoas que fazem parte dela. Com a posse dos novos conselheiros, vamos continuar nosso trabalho”, disse Sandra.

O prefeito lembrou que o feriado municipal do Dia da Consciência Negra, comemorado dia 20 de novembro, está mantido. Além disso, Kireeff falou sobre o pedido de instituição de uma coordenadoria de Promoção da Igualdade Racial. “A criação de uma coordenadoria é o primeiro passo para que possamos ter ações mais estruturadas, acesso a convênios e a recursos federais que já existem nas políticas de promoção de igualdade racial. No futuro, depois da implantação das coordenadorias, será possível criar uma Secretaria de Direitos Humanos, mas isso será a médio e longo prazo”, disse Kireeff.

Novos conselheiros da sociedade civil

Idalto José de Almeida, Teresa Mendes de Souza, Emani José dos Santos, Letícia Cardoso da Silva, Robson Borges Arantes, Camila Tassia de Lima Santos, kauana Kiri, Gilda Kuitá, Voia Kiri, Vanilda Rodrigues Pereira, Ester Regina Bento dos Santos, Sidnei Santos Silva, Vagner Nogueira, Terezinha Aparecida da Silva e Luiz Fabrício Galhardi.

Novos conselheiros do Poder Público

Elza Correia, Sandra Regina da Rocha, Alessandro Safraide, Benedito Macedo, Eloyr Doin Pacheco, Maria de Fátima Beraldo, Valdemir Vieira, Gilson Brenan de Oliveira, Elaine Ferreira Galvão, José Lopes de Souza, Lílian Nelessen, Almir Rogério dos Santos Scatambulo, Paulo Gonçalves da Silva, Rogério de Santana Lima e Flaida Cristina Savarelo dos Santos. 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios