Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Ao usar a Tribuna do Senado, na terça-feira (11), a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) fez um breve balanço do período que esteve frente à Casa Civil da Presidência da República. Durante seu pronunciamento, que durou mais de uma hora, a paranaense recebeu cumprimentos de vários senadores, que aproveitaram a oportunidade para elogiar o seu desempenho no Executivo.
 
Segundo Gleisi, a experiência no governo foi gratificante, mas, a partir de agora, quer retomar o contato direto com o povo paranaense e dedicar-se ao debate dos grandes temas nacionais.  “Depois de dois anos e sete meses no comando da Casa Civil, trabalhando em regime de dedicação exclusiva, estou de volta para exercer com força, coragem, disposição e alegria o mandato de Senadora da República que os paranaenses generosamente me concederam. Volto revigorada e muito entusiasmada.”
 
Gleisi apresentou números que ilustram os avanços sociais conquistados pelo país nos últimos anos, citando os 36 milhões de homens e mulheres que foram tirados da extrema pobreza recentemente; os 42 milhões que ascenderam à classe média, que passou de 37% da população para 55% da população, apenas entre os anos de 2003 até hoje. “A renda per capita mediana das famílias brasileiras cresceu 78% no mesmo período”, informou.
 
“No comando da Casa Civil tive apoio da presidenta para estruturar e definir os programas buscando sempre o interesse público, procurando assegurar os benefícios da maioria, e tentando reduzir os desníveis entre as regiões e entre os grupos sociais”, frisou.
 
Gleisi citou outros programas e projetos estruturados no Governo Dilma como o “Viver sem Limite”, voltado para a pessoa com deficiência, o Programa “Crack é possível vencer”, o sistema de “Prevenção a Desastres Naturais”, que impediu que a maior estiagem dos últimos 50 anos trouxesse novamente as cenas dos retirantes, entre outros.
 
Além da prioridade aos programas de inclusão social, Gleisi destacou a sua atuação na condução do grande plano de investimentos em logística, abrangendo rodovias, ferrovias, portos e aeroportos. “Ao lado da presidenta Dilma,  ajudei fazer a condução desse grande plano, feito para que o Brasil tenha um futuro compatível com a sua grandeza.”
 
Citando o potencial agropecuário do Paraná, Gleisi ressaltou  o trabalho desenvolvido nos últimos três planos safra, com a ampliação dos recursos para crédito agrícola, o lançamento do plano de armazenagem, ampliação do seguro agrícola, a criação da ANATER, entre outras iniciativas.
 
Ao finalizar seu discurso, a senadora dirigiu-se aos paranaenses, afirmando que usará o Congresso para sugerir formas mais ativas de desenvolvimento para o Estado. Para Gleisi, o Paraná  estaria em condições piores sem a ação efetiva do governo federal na realização de programas como o Minha Casa, Minha Vida, o Bolsa Família, o Mais Médicos, o PAC Equipamentos, as creches e os investimentos em infraestrutura, que já perfazem mais de 3,5 bilhões de reais destinados ao Estado.
 
“Defendo um Paraná mais solidário e tenho uma crença inabalável na capacidade do povo paranaense de superar as adversidades para abrir novamente um horizonte de esperança para o Paraná. Estarei aqui, sempre a serviço do povo brasileiro e, com especial dedicação, a serviço do povo paranaense”.
 
Débora Matos/Asimp /Gleisi Hoffmann
 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios


Notice: Undefined variable: usuario_tk in /var/www/vhosts/jornaluniao.com.br/httpdocs/widget_footer.php on line 245
NULL