Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Política 25/07/2012  08h09

Municípios da Amunop assinam termo de cooperação para melhoria da Educação

Iniciativa é do deputado Alex Canziani, que conta com o apoio do Governo do Estado.


Canziani discursa ao lado de Mozart, do Conselho Nacional de Educação; e Tereza Perez, do CEDAC

Um termo de cooperação para que todas as ações na área de educação sejam realizadas de maneira articulada em todos os municípios da região. Este é o objetivo do programa lançado sexta-feira (20), em Cornélio Procópio, por iniciativa da Associação dos Municípios do Norte do Paraná (Amunop) para garantir o direito à educação, fortalecer a democratização das relações de gestão e promover a aplicação dos recursos de forma eficiente e solidária.

A instalação da parceria, denominada “Arranjo de Desenvolvimento da Educação do Norte do Paraná (ADE)”, aconteceu no anfiteatro da unidade local da Universidade Tecnológica Federa (UTFPR) e contou com a presença do vice-governador do Paraná e secretário estadual de Educação, Flávio Arns, do deputado federal Alex Canziani (PTB), secretário estadual do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, deputado Luiz Cláudio Romanelli, e de prefeitos dos municípios associados à Amunop.

A primeira

“Trata-se de uma iniciativa inédita no Paraná, pois a nossa microrregião é a primeira no Estado a desenvolver um trabalho neste sentido e tenho a absoluta certeza de que será um sucesso absoluto, como foram outros projetos que a Amunop encampou e tomou a iniciativa de fazer”, discursou o presidente da Associação e prefeito de Cornélio Procópio, Amin Hannouche. Segundo ele, este será mais um trabalho integrado pautado principalmente pela troca de experiências entre os municípios que compõem a entidade.

A cooperação é uma iniciativa do deputado Alex Canziani, atual presidente da Frente Parlamentar da Educação na Câmara Federal, e envolve ainda o Instituto Mind Group (Comunidade Internacional de Cooperação na Educação) e a Comunidade Educativa CEDAC, ongs com sede em São Paulo, que integrarão o projeto sem qualquer custo para os municípios participantes. “A ideia que estamos trazendo para Cornélio e região é a de trabalharmos para a educação de forma conjunta e organizada quanto às metas, objetivos e necessidades de cada um e trabalharmos a região como um todo”, destacou Canziani. Trabalho nesse sentido não é novidade e já envolve cerca de 200 municípios brasileiros, que estão regionalizados através de nove arranjos.

A primeira fase do Arranjo da Amunop, explica o parlamentar, será levantar os indicadores educacionais daquele território, identificar as ações prioritárias e desenhar o mapa estratégico, além de apoiar a elaboração de planos municipais e regionais de educação, que deverão integrar os planos estaduais e nacional, já para o biênio 2012/201.

O vice-governador Flavio Arns, por sua vez, disse que o Governo do Estado acatou a proposta e deverá estimular o programa para todas as regiões do Estado no sentido de fortalecer e unificar a educação.

A apresentação do programa contou com a participação do professor pernambucano Mozart Neves Ramos, membro da Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação. Ele, que já foi reitor da Universidade Federal de Pernambuco e secretário de Educação daquele Estado, falou sobre as características gerais do ADE na gestão educacional; formação de professores e de profissionais de serviço e apoio escolar; práticas pedagógicas e avaliação; infra-estrutura física e recursos pedagógicos. Também participou a diretora-superintendente do CEDAC, Tereza Perez, e o presidente da Mind Group no Brasil, Álvaro Cruz, parceiros do programa e que serão responsáveis pela execução das ações articuladas entre as secretarias municipais de Educação daquela região.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios