Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Projeto “Trabalho, Justiça e Cidadania” foi desenvolvido na cidade, em parceria com a Secretaria de Educação, e vai premiar três alunos da rede municipal

O prefeito Barbosa Neto participa amanhã (22) da premiação do projeto “Trabalho, Justiça e Cidadania”. A solenidade será realizada no Sindicato do Comercio Varejista de Londrina (Sincoval), localizado na rua Ana Neri, 300, às 9h, e vai premiar três alunos da rede municipal de ensino.

A premiação é uma promoção da Secretaria de Educação, da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (ANAMATRA) e Associação dos Magistrados do Trabalho da IX região (AMATRA IX). Participam do evento, além do prefeito Barbosa Neto, a secretária de Educação, Karin Sabec Viana, e o presidente da AMATRA, o juiz Carlos Augusto Penteado Conte.

O projeto foi resultado de uma parceria entre a Secretaria de Educação e a AMATRA. De realização nacional, esta é a primeira vez que acontece em Londrina. Entre abril e julho, 250 alunos da 4ª série e da Educação de Jovens e Adultos de duas escolas municipais, Francisco Pereira de Almeida Junior e a José Garcia Vilar, ambas na região leste, participaram do projeto.

Segundo a professora e coordenadora do projeto em Londrina, Josiane Frota, os alunos produziram textos sobre direitos do cidadão e trabalho infantil. “Estes textos foram selecionados e enviados à AMATRA que escolheu os três melhores.” O primeiro lugar e sua professora ganharão um notebook cada. Já o segundo e o terceiro lugares ganham um mp4.

Para a produção dos textos, os alunos receberam duas cartilhas: uma sobre legislação e outra sobre o trabalho infantil. Através de uma linguagem simples e atrativa, as cartilhas sobre legislação divulgam os direitos básicos dos trabalhadores e servem de instrumento de informação e conscientização. Já a cartilha sobre trabalho infantil trata do tema com uma história infantil, narrando e ilustrando de forma envolvente a questão da exploração da mão de obra infantil.

“O objetivo do projeto é conscientizar os alunos sobre a cidadania. Ele foca o direito do trabalho e a legislação pertinente”, ressaltou a coordenadora. Também, tem o objetivo de sensibilizar os alunos da rede pública sobre cidadania, com enfoque no direito do trabalho e legislação.

(Ncom_PML)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios