Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Agência UEL

A reitora da UEL, Nádina Moreno, recebeu os deputados federais e o prefeito de Londrina, Alexandre Kireeff (PSD) (Foto: Asimp/André Vargas)

Em solenidade realizada no último sábado (02), na Reitoria, a UEL anunciou oficialmente a liberação de recursos proveniente de emendas parlamentares propostas ao Ministério da Educação pelos deputados federais André Vargas, Alex Canziani e Luiz Carlos Hauly (hoje secretário de Estado da Fazenda), no orçamento de 2012. Com as emendas a Instituição foi contemplada com R$ 6 milhões e 100 mil destinados a construção da primeira etapa do novo prédio da Biblioteca Central (BC), da Instituição, viabilizando a edificação de uma área inicial de 4.425 metros quadrados.

No mesmo ato solene, a UEL também assinou convênio no valor de R$ 200 mil para a aquisição de equipamentos destinados ao Centro de Ciências Agrárias (CCA), acordo resultado de emenda individual do deputado Alex Canziani.

O encontro presidido pela reitora Nádina Moreno reuniu os três parlamentares, mais os deputados estaduais Gilberto Martin e Tercílio Turini, o prefeito de Londrina Alexandre Lopes Kireeff, o vereador Fábio Testa, além de pró-reitores, diretores de Centros de Estudos e assessores da Instituição.

Na cerimônia de sábado foi apresentado o projeto da nova Biblioteca Central elaborado pelos professores do Centro de Tecnologia e Urbanismo (CTU), da Universidade Estadual de Londrina, sob a coordenação do professor Sidnei Guadanhim, do Departamento de Arquitetura e Urbanismo. A maquete, realizada pelo professor César Imae, também do Departamento de Arquitetura e Urbanismo, foi descrita aos presentes e doada oficialmente para a UEL. O projeto da nova BC, que completou 40 anos em 2012, idealiza uma nova sede, com uma concepção clássica e moderna, totalizando 12 mil m² e três pavimentos, além do térreo e piso inferior.

Na solenidade a diretora da Biblioteca, Maria Elisabete Catarino, justificou a necessidade de uma nova sede expondo que a BC está há mais de 40 anos no mesmo local enquanto seu acervo foi crescendo ao longo dos anos tanto através de aquisições como de doações.

A reitora Nádina Moreno, que é docente do Departamento de Ciência da Informação, completou as informações da professora Catarino lembrando que “mesmo com toda a tecnologia de nossos dias “precisamos nova sede para nossa Biblioteca Central que é um espaço para a pesquisa”. Ela agradeceu todo empenho neste sentido dos deputados André Vargas, Alex Canziani e Luiz Carlos Hauly, hoje secretário de Estado da Fazenda, além do comprometimento que eles têm demonstrado para com a Universidade Estadual de Londrina também em muitos outros segmentos da Instituição.

Nádina Moreno aproveitou a reunião de tantas autoridades na UEL e pediu apoio de todos na luta para reerguer o Teatro Ouro Verde, que teve seu interior destruído quase que totalmente por um incêndio que no dia 12 completa um ano. Ela sinalizou também a necessidade do tombamento do prédio ao lado do Ouro Verde, onde funcionou o restaurante Calloni, no passado, sugerindo a edificação de uma saída de emergência do Teatro naquele local .

Na cerimônia de sábado na Reitoria, o Centro de Ciências Agrárias (CCA) também foi contemplado: “recebe recursos no valor de R$ 200 mil, através de emenda individual do deputado Alex Canziani destinados a compra de equipamentos para confecção de feno e silagens, que serão utilizados na alimentação dos animais herbívoros da Fazenda-Escola”, discursou o professor José Moura Filho, diretor do CCA. Ele completou que “o Hospital Veterinário e também os projetos de pesquisa relativos às Ciências Agrárias - Mestrado e Doutorado do CCA – assim como as especializações e trabalhos de conclusão de curso das graduações em Medicina Veterinária, Agronomia e Zootecnia se beneficiam destes recursos”.

Moura Filho relacionou os equipamentos que os recursos liberados no sábado viabilizarão para o Centro de Ciências Agrárias: segadeira, ancinho enleirador, enfardadeira e triturador de feno, para a confecção de feno; e ensiladeira para a confecção de silagem. 

Finalizando a reunião a reitora da UEL comentou que aquela era “uma data histórica, que possibilita realização de sonhos viabilizados através das emendas dos deputados acima citados. Estes recursos destinados a UEL são extensivos à comunidade também que se beneficia dos serviços prestados pela Instituição. É o caso da Sociedade Rural do Paraná que pode contar com os serviços do Hospital Veterinário, notadamente durante a realização das exposições agropecuárias. Vale destacar que estamos terminando a reforma do Centro Cirúrgico do HV, que tem capacidade de atendimento de grandes animais”. 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios


Notice: Undefined variable: usuario_tk in /var/www/vhosts/jornaluniao.com.br/httpdocs/widget_footer.php on line 245
NULL