Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Valdir Rossoni, apresentou nesta terça-feira (18) requerimento em plenário solicitando à presidente Dilma Rousseff a indicação do juiz federal Sérgio Fernando Moro à vaga de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) aberta em decorrência da aposentadoria do ministro Joaquim Barbosa.

Rossoni informa no requerimento que “a sociedade clama para que a indicação para a Corte Constitucional Federal recaia em cidadão com notório saber jurídico - e nada mais justo do que escolher um servidor de carreira, como é o caso do juiz federal Sérgio Moro, cuja competência técnica é reconhecida internacionalmente.”

O presidente lembrou também que o magistrado já atuou como juiz auxiliar do STF em 2012 e é titular da Vara Federal especializada em lavagem de dinheiro e crime organizado de Curitiba. “A indicação é para que a presidente da República demonstre aos brasileiros que ela fala a verdade quando diz que quer apuração dos fatos da Operação Lava Jato, comandada pelo juiz”, disse. “Nada melhor do que levar esse ilustre paranaense, que faz um trabalho exemplar para o Brasil, a assumir uma vaga no Supremo por indicação da presidente. Ela daria uma demonstração aos brasileiros que ela é realmente favorável às investigações.”

O requerimento foi subscrito por outros 14 deputados.

Lista Tríplice

O nome de Sérgio Moro faz parte de uma lista tríplice elaborada pela Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) e encaminhada à presidente Dilma para definição do nome que irá ocupar a vaga. Na votação realizada pela Ajufe, Moro teve o maior número de votos: 141. Os nomes dos juízes Fausto Martin De Sanctis e Leandro Paulsen completam a lista tríplice.

Sonia Maschke/Asimp/ALEP

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios