Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O tempo quaresmal nos oferece uma oportunidade singular de conversão que tem como pressuposto o amor. Iluminados pela Palavra de Deus, fortalecidos pelos sacramentos e irmanados na vida comunitária percorremos um caminho de oração, partilha, intimidade e solidariedade fraterna. Um verdadeiro retiro espiritual que nos prepara para a Páscoa do Senhor oferecendo a Ele o melhor de nós: uma vida reconciliada e pacificada no amor.

Há mais de cinco décadas, a Campanha da Fraternidade apresenta-se como um modo de viver o período quaresmal na Igreja no Brasil prestando atenção uns aos outros e nos comprometendo com a edificação do amor que faz nascer as boas obras da fé. Em 2020, avançamos nesse caminho inspirados pelo tema: “Fraternidade e vida: Dom e Compromisso.” A vida é dom de Deus que devemos cultivar e também um compromisso que devemos assumir.

Desde a concepção e passando por todas as etapas de existência, a vida deve ser promovida e protegida, buscando sempre o horizonte da eternidade sem tirar os pés do chão e ofertando um coração fraterno ao irmão. E como trilhar esse caminho? Agindo como bom samaritano. Ele é a grande inspiração e modelo para vivermos a quaresma deste ano.

A figura do Samaritano, apresentada por São Lucas em seu Evangelho (Lc 10,25-37), oferece à Igreja atitudes concretas de amor e conversão. Ele “Viu, sentiu compaixão e cuidou.”(Lc 10,33-34) Cuidou daquele que, vítima de violência, foi deixado como que morto à beira do caminho.

Na parábola do Samaritano, descobrimos que o meu próximo é aquele de quem eu me aproximo para cuidar, com amor e ternura, independente de quem seja a pessoa e em quais condições ela se encontra. Reconhecer o próximo é romper com a indiferença. É ter a capacidade de interromper a própria rotina para se fazer próximo com atitudes concretas: descer da montaria, tocar as feridas, oferecer a própria condução para aquele que não consegue caminhar, contar com a ajuda e o auxílio da hospedaria. Amar com gestos, decisões, agilidade, presença e carinho.

A cada domingo, professamos nossa fé em comunidade. Nessa oração, dizemos que cremos que o Senhor irá voltar para julgar os vivos e os mortos. Queira Deus que quando o Senhor voltar, Ele que é o Bom Samaritano, encontre-nos cuidando uns dos outros no amor.

Com olhos fixos em Jesus, a CF 2020 nos convoca a romper com toda e qualquer atitude de indiferença, vencendo o pecado pela graça redentora que nos envia como missionários da vida plena para todos, sobretudo os mais pobres e excluídos, vítimas de uma sociedade marcada profundamente pelos traços de Caim.

Olhando ao nosso redor, percebemos cada vez mais que a vida se encontra ameaçada e um sinal claro de tal ameaça é o modo de vida da sociedade marcado pela indiferença. Uma sociedade de Caim que traz situações, atitudes e estruturas que se alimentam da indiferença e nutrem o ódio e a aversão. Que propaga e enaltece a cultura do descarte, da morte revelada em ações injustas e desumanas.

Que a Campanha da Fraternidade nos ajude a ver com os olhos de Deus a realidade que está ao nosso lado. Ver direcionando o nosso olhar para aquele a quem chamamos de irmão e devemos tratá-lo como tal. Que a fé nos ajude a julgar segundo os critérios da compaixão e da justiça condicionados pelo amor a fim de que sejamos promotores de uma nova sociedade na qual a globalização da ternura e do cuidado sejam reais e que comece em nós, em nossos corações convertidos, as mudanças que esperamos no mundo.

Santa Dulce dos Pobres interceda a Deus por nós a fim de que vivamos a fé cristã com o compromisso de ver, compadecer e cuidar, pois, a fraternidade é samaritana! Fraternalmente,

Pe. Patriky Samuel Batista é Secretário Executivo para Campanhas da CNBB – Brasília DF e escreveu este artigo a pedido da Canção Nova

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.