Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Primeira Leitura (Am 7,10-17)

Leitura da Profecia de Amós.

Naqueles dias, 10Amasias, sacerdote de Betel, mandou dizer a Jeroboão, rei de Israel: “Amós conspira contra ti, dentro da própria casa de Israel; o país não consegue evitar que se espalhem todas as suas palavras. 11Ele anda dizendo: ‘Jeroboão morrerá pela espada, e Israel será deportado de sua própria pátria, como escravo’”.

12Disse depois Amasias a Amós: “Vidente, sai e procura refúgio em Judá, onde possas ganhar teu pão e exercer a profecia; 13mas em Betel não deverás insistir em profetizar, porque aí fica o santuário do rei e a corte do reino”.

14Respondeu Amós a Amasias, dizendo: “Não sou profeta nem sou filho de profeta; sou pastor de gado e cultivo sicômoros. 15O Senhor chamou-me, quando eu tangia o rebanho, e o Senhor me disse: ‘Vai profetizar para Israel, meu povo’.

16E agora ouve a Palavra do Senhor. Tu dizes: ‘Não profetizes contra Israel e não insinues palavras contra a casa de Isaac’. 17Pois bem, isto diz o Senhor: ‘Tua mulher se prostituirá na cidade, teus filhos e filhas morrerão pela espada, tuas terras serão tomadas e loteadas; tu mesmo morrerás em terra poluída, e Israel será levado em cativeiro para longe de seu país’”.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Responsório (Sl 18)

— Os julgamentos do Senhor são corretos e justos igualmente.

— Os julgamentos do Senhor são corretos e justos igualmente.

— A lei do Senhor Deus é perfeita, conforto para alma! O testemunho do Senhor é fiel, sabedoria dos humildes.

— Os preceitos do Senhor são precisos, alegria ao coração. O mandamento do Senhor é brilhante, para os olhos é uma luz.

— É puro o temor do Senhor, imutável para sempre. Os julgamentos do Senhor são corretos e justos igualmente.

— Mais desejáveis do que o ouro são eles, do que o outro refinado. Suas palavras são mais doces que o mel, que o mel que sai dos favos.

Evangelho (Mt 9,1-8)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1entrando em um barco, Jesus atravessou para a outra margem do lago e foi para a sua cidade. 2Apresentaram-lhe, então, um paralítico deitado numa cama. Vendo a fé que eles tinham, Jesus disse ao paralítico: “Coragem, filho, os teus pecados estão perdoados!”

3Então alguns mestres da Lei pensaram: “Esse homem está blasfemando!” 4Mas Jesus, conhecendo os pensamentos deles, disse: “Por que tendes esses maus pensamentos em vossos corações? 5O que é mais fácil, dizer: ‘Os teus pecados estão perdoados’, ou dizer: ‘Levanta-te e anda’?

6Pois bem, para que saibais que o Filho do Homem tem na terra poder para perdoar pecados, — disse, então, ao paralítico — “Levanta-te, pega a tua cama e vai para a tua casa”. 7O paralítico então se levantou, e foi para a sua casa. 8Vendo isso, a multidão ficou com medo e glorificou a Deus, por ter dado tal poder aos homens.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Cristo nos levanta de todo o desânimo

Coloquemos em Cristo a nossa confiança, porque Ele nos levanta de todo desânimo  e nos coloca em pé

“Apresentaram-lhe, então, um paralítico deitado numa cama. Vendo a fé que eles tinham, Jesus disse ao paralítico: ‘Coragem, filho, os teus pecados estão perdoados!'” (Mateus 9,2).

Jesus olha com muito amor e compaixão para a situação daquele paralítico, porque, estando paralisado em cima daquela cama, ele estava desanimado, sem forças nem ânimo para prosseguir, para ir adiante, para olhar para outra dimensão da vida.

Sabemos que, de fato, é isso que as paralisias realizam em nossa vida, e aqui não me detenho para a paralisia física, porque eu conheço algumas pessoas que têm algum tipo de paralisia no corpo, mas nada segura essas pessoas, pois elas têm fé, ânimo e ressuscitaram dessa situação que, um dia, paralisou sua vida. Eu conheço pessoas que têm duas pernas e o corpo perfeito, mas estão paralisadas pelo desânimo, pelo desencanto com a vida, estão paralisadas, porque passaram por algum momento de frustração na vida, foram derrotadas e impactadas por algo negativo que aconteceu.

Deus não nos quer paralisados, Ele não nos quer paralíticos, Ele quer que levantemos da cama, do leito e de tudo aquilo que têm colocado a nossa vida para baixo. Onde estamos colocando o nosso coração? Onde estamos colocando a nossa motivação e a nossa razão de viver?

Quando colocamos a nossa razão de viver, a motivação em coisas humanas e materiais, mais cedo ou mais tarde, conhecemos um profundo desânimo, e em algumas pessoas até um grande fracasso. As coisas materiais e as realidades humanas vão e vêm.

Colocamos no Senhor a nossa confiança, e a partir da nossa confiança n’Ele, caminhamos na vida sem nos apoiar em pessoas nem em coisas, realizando o que precisamos realizar, fazendo o melhor daquilo que precisamos fazer e não nos deixamos desanimar quando algo errado acontecer, quando alguma coisa não tiver êxito. Seremos sempre vitoriosos quando tivermos Cristo crucificado na cruz como nosso referencial de vida, pois Ele transforma toda a morte em ressurreição, todo o desalento em vida nova. Coloquemos em Cristo a nossa confiança, porque Ele nos levanta de todo o desânimo e nos coloca em pé.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo - Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios