Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Primeira Leitura (Sb 7,22–8,1)

Leitura do Livro da Sabedoria.
7,22Na Sabedoria há um espírito inteligente, santo, único, múltiplo, sutil, móvel, perspicaz, imaculado, lúcido, invulnerável, amante do bem, penetrante, 23desimpedido, benfazejo, amigo dos homens, constante, seguro, sem inquietação, que tudo pode, que tudo supervisiona, que penetra todos os espíritos, os inteligentes, os puros, os mais sutis.
24Pois a Sabedoria é mais ágil que qualquer movimento, e atravessa e penetra tudo por causa da sua pureza. 25Ela é um sopro do poder de Deus, uma emanação pura da glória do todo-poderoso; por isso, nada de impuro pode introduzir-se nela: 26ela é um reflexo da luz eterna, espelho sem mancha da atividade de Deus e imagem da sua bondade. 27Sendo única, tudo pode; permanecendo imutável, renova tudo; e comunicando-se às almas santas de geração em geração, forma os amigos de Deus e os profetas. 28Pois Deus ama tão-somente aquele que vive com a Sabedoria. 29De fato, ela é mais bela que o sol e supera todas as constelações; comparada à luz, ela tem a primazia: 30pois a luz cede lugar à noite, ao passo que, contra a Sabedoria, o mal não prevalece. 8,1Ela se estende com vigor de uma extremidade à outra da terra e com suavidade governa todas as coisas.
- Palavra do Senhor.
- Graças a Deus.
Responsório (Sl 118)
— É eterna, ó Senhor, vossa palavra!
— É eterna, ó Senhor, vossa palavra!
— É eterna, ó Senhor, vossa palavra, ela é tão firme e estável quanto o céu.
— De geração em geração, vossa verdade permanece como a terra que firmastes.
— Porque mandastes, tudo existe até agora; todas as coisas, ó Senhor, vos obedecem!
— Vossa palavra, ao revelar-se, me ilumina, ela dá sabedoria aos pequeninos.
— Fazei brilhar vosso semblante ao vosso servo, e ensinai-me vossas leis e mandamentos!
— Possa eu viver e para sempre vos louvar; e que me ajudem, ó Senhor, vossos conselhos!
Evangelho (Lc 17,20-25)
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.
Naquele tempo, 20os fariseus perguntaram a Jesus sobre o momento em que chegaria o Reino de Deus. Jesus respondeu: “O Reino de Deus não vem ostensivamente. 21Nem se poderá dizer: ‘Está aqui’ ou ‘Está ali’, porque o Reino de Deus está entre vós”.
22E Jesus disse aos discípulos: “Dias virão em que desejareis ver um só dia do Filho do Homem e não podereis ver. 23As pessoas vos dirão: ‘Ele está ali’ ou ‘Ele está aqui’. Não deveis ir, nem correr atrás. 24Pois, como o relâmpago brilha de um lado até o outro do céu, assim também será o Filho do Homem, no seu dia. 25Antes, porém, ele deverá sofrer muito e ser rejeitado por esta geração”.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.
Onde o Reino de Deus está acontecendo?
A Palavra de Deus nos convida a refletirmos sobre a presença do Reino de Deus no meio de nós.
“Pois, como o relâmpago brilha de um lado até o outro do céu, assim também será o Filho do Homem no seu dia” (Lc 17,24).
A Palavra de Deus nos convida a refletirmos sobre a presença do Reino de Deus no meio de nós. Às vezes, nós nos perguntamos: “Onde está Deus? Onde está o Seu Reino? Onde a graça do Senhor está acontecendo?”. Ainda mais hoje, num mundo tão cercado, multiplicado de pessoas pregando o nome de Deus aqui e ali, dizendo “Deus está aqui!”, prometendo mundos e fundos em nome do Senhor.
Nessas horas, a dúvida vem ao nosso coração: “Onde o Reino de Deus está acontecendo?” A Palavra, então, vem consolar o nosso coração.
Não se preocupe, pois o Reino não está aqui nem ali, mas no meio de nós, quando fazemos a vontade do Pai, quando a colocamos em prática.
Nós não precisamos ter medo de igrejas que ameaçam, de pessoas que nos deixam temerosas, como se a vinda do Senhor fosse para nós motivo de tristeza, de desânimo e peso. Muito pelo contrário, a volta do Senhor é motivo de muita paz para o nosso coração. Por isso, meus irmãos, nós devemos, acima de tudo, buscar o Reino de Deus em nós, em nossa vida, em nosso coração. De que forma? Colocando a Palavra d’Ele em prática.
Quando o Senhor nos chama a viver de forma despreocupada, desprendida, isso não quer dizer que podemos viver de qualquer jeito. Viver o Reino de Deus é colocar Sua Palavra em prática acima de tudo. Quando fazemos isso, não devemos nos preocupar.
Conhecemos o Reino de Deus por seus frutos, pela vitalidade da presença amorosa e misericordiosa de Jesus no meio de nós. Não adianta fazermos alardes sobre a vinda do Senhor, porque esta será repentina, vai nos pegar de surpresa.
A morte que não esperamos, a forma como ela aconteceu… Nenhum de nós poderia esperar que as coisas acontecem assim. Mas se você está preparado, se você está vivendo conforme a vontade do Senhor, nem isso vai pegá-lo de surpresa, nem isso vai deixá-lo desanimado; pelo contrário, a vinda do Senhor, a presença d’Ele trará ao nosso coração conforto e paz.
Não importa a vida que levamos, se a vivermos dignamente, se colocarmos em prática a Palavra de Deus, o Seu Reino estará presente no meio de nós.
Deus abençoe você!
Padre Roger Araújo
Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova.FacebookTwitter
(cancaonova.com)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios