Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Primeira Leitura (Ef 1,11-14)

Leitura da Carta de São Paulo aos Efésios.

Irmãos, 11em Cristo nós recebemos a nossa parte. Segundo o projeto daquele que conduz tudo conforme a decisão de sua vontade, nós fomos predestinados 12a ser, para o louvor de sua glória, os que de antemão puseram a sua esperança em Cristo. 13Nele também vós ouvistes a palavra da verdade, o evangelho que vos salva. Nele, ainda, acreditastes e fostes marcados com o selo do Espírito prometido, o Espírito Santo, 14o que é o penhor da nossa herança para a redenção do povo que ele adquiriu, para o louvor da sua glória.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Salmo Responsorial (Sl 32)

— Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!

— Feliz o povo que o Senhor escolheu por sua herança!

— Ó justos, alegrai-vos no Senhor! Aos retos fica bem glorificá-lo. Dai graças ao Senhor ao som da harpa, na lira de dez cordas celebrai-o!

— Pois reta é a palavra do Senhor, e tudo o que ele faz merece fé. Deus ama o direito e a justiça, transborda em toda a terra a sua graça.

— Feliz o povo cujo Deus é o Senhor, e a nação que escolheu por sua herança! Dos altos céus o Senhor olha e observa; ele se inclina para olhar todos os homens.

Evangelho (Lc 12,1-7)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas. 

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1milhares de pessoas se reuniram, a ponto de uns pisarem os outros. Jesus começou a falar, primeiro a seus discípulos: “Tomai cuidado com o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. 2Não há nada de escondido que não venha a ser revelado, e não há nada de oculto que não venha a ser conhecido.

3Portanto, tudo o que tiverdes dito na escuridão, será ouvido à luz do dia; e o que tiverdes pronunciado ao pé do ouvido, no quarto, será proclamado sobre os telhados.

4Pois bem, meus amigos, eu vos digo: não tenhais medo daqueles que matam o corpo, não podendo fazer mais do que isto. 5Vou mostrar-vos a quem deveis temer: temei aquele que, depois de tirar a vida, tem o poder de lançar-vos no inferno. Sim, eu vos digo, a este temei. 6Não se vendem cinco pardais por uma pequena quantia? No entanto, nenhum deles é esquecido por Deus. 7Até mesmo os cabelos de vossa cabeça estão todos contados. Não tenhais medo! Vós valeis mais do que muitos pardais”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Ouça a Homilia

Tomemos cuidado com a hipocrisia

 “Tomai cuidado com o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. Não há nada de escondido que não venha a ser revelado, e não há nada de oculto que não venha a ser conhecido” (Lucas 12,1-2).

Não há mal maior para a nossa personalidade, para o nosso caráter, para a nossa pessoa do que vivermos de aparências, do que escondermos aquilo que somos sob a sombra da hipocrisia. A hipocrisia é, na verdade, um mal terrível que causamos em nós e na sociedade. Ela precisa ser cuidada, tratada e, acima de tudo, combatida.

Muitas vezes, a hipocrisia vai se tornando uma realidade tão dura, tão cruel, mas, ao mesmo tempo, tão comum que vamos nos acostumando com ela e muitas pessoas, muitas vezes, já não sabem mais viver sem ser sob a face da hipocrisia.

A hipocrisia é a face que apresentamos ao mundo e às pessoas e, muitas vezes, não é aquilo que somos, mas as aparências que queremos ser, a imagem que queremos vender, aquele protótipo que queremos que os outros conheçam, achem que somos, pensamos, agimos, e assim por diante.

A primeira coisa, é preciso cuidar das coisas íntimas e particulares, das coisas mínimas da vida. Não dê vasão à pequenas mentiras porque não há meias-verdades, o que há são mentiras subterrâneas que vão se formando, se escondendo debaixo daquilo que fazemos e falamos, e isso vai se colocando como condição de vida.

A hipocrisia é, na verdade, um mal terrível que causamos em nós e na sociedade

Muitas vezes, nos acostumamos a falar uma pequena mentira aqui, uma outra acolá; e, quando não percebemos, isso vai se tornando uma coisa comum na nossa vida. Na verdade, vai se tornando um vício.

Muitas pessoas mentem e elas mesmas acreditam nas suas mentiras. Elas vivem dessa forma, vivem mentiras como se fossem verdades e falam com entusiasmo, falam com uma voz empostada, defendem seus argumentos a ponto de levantar a voz ou até soltar lágrimas para argumentarem, para simplesmente colocarem o seu ponto de vista.

É preciso trabalhar seriamente na luz e na escuridão. Primeiro, para que a luz ilumine as escuridões que vivemos na alma, no coração e nas situações obscuras da vida. Não deixemos nada sem resolver, busquemos ajuda, confissão, direção espiritual, mas não vivamos nada sob aparências falsas, negativas e enganosas. Muitas vezes, achamos que enganamos os outros quando, na verdade, estamos enganando somente a nós mesmos.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo - Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios