Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Primeira Leitura (Rt 2,1-3.8-11;4,13-17)

Leitura do Livro de Rute.

1Noemi tinha um parente por parte do marido, homem poderoso e muito rico, da família de Elimilec, chamado Booz. 2Rute, a moabita, disse à sua sogra: “Permite que eu vá ao campo apanhar espigas, onde possa encontrar quem se mostre clemente para comigo”. Noemi respondeu: “Vai, minha filha”. 3Rute foi, pois, colher espigas num campo atrás dos ceifeiros. Aconteceu que aquele era justamente o campo de Booz, parente de Elimelec. 8E Booz disse a Rute: “Ouve, minha filha, não vás apanhar espigas em outro campo, e não te afastes daqui, mas junta-te às minhas servas. 9Observa onde estão ceifando e vai atrás delas; pois ordenei aos meus servos que ninguém te moleste. Quando tiveres sede, vai aos cântaros e bebe da água de que bebem os meus servos”. 10Então Rute, caindo-lhe aos pés, inclinou-se profundamente e disse: “Como pude encontrar graça a teus olhos, e te dignaste fazer caso de mim, uma mulher estrangeira?” 11Respondeu-lhe Booz: “Contaram-me tudo o que fizeste por tua sogra, depois da morte de teu marido: como deixaste teus pais e a terra onde nasceste, e vieste para um povo que antes não conhecias”,

4,13Então Booz tomou Rute e recebeu-a como esposa. Uniu-se a ela e o Senhor concedeu-lhe a graça de conceber e dar à luz um filho. 14As mulheres diziam a Noemi: “Bendito seja o Senhor, que não permitiu que faltasse um sucessor à tua família e quis que o seu nome se conservasse em Israel, 15para que tenhas quem console a tua alma e te sustente na velhice, porque nasceu um menino de tua nora, que te ama e é para ti melhor que sete filhos”. 16E Noemi tomou o menino, colocou-o no colo, e serviu-lhe de ama. 17As vizinhas congratulavam-se com ela, dizendo: “Nasceu um filho a Noemi”, e deram-lhe o nome de Obed. Ele foi o pai de Jessé, pai de Davi.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Responsório (Sl 127)

— Será assim abençoado todo aquele que respeita o Senhor.

— Será assim abençoado todo aquele que respeita o Senhor.

— Feliz és tu se temes o Senhor e trilhas seus caminhos! Do trabalho de tuas mãos hás de viver, serás feliz, tudo irá bem!

— A tua esposa é uma videira bem fecunda no coração da tua casa; os teus filhos são rebentos de oliveira ao redor de tua mesa.

— Será assim abençoado todo homem que teme o Senhor. O Senhor te abençoe de Sião; cada dia de tua vida

Evangelho (Mt 23,1-12)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1Jesus falou às multidões e aos seus discípulos: 2“Os mestres da Lei e os fariseus têm autoridade para interpretar a Lei de Moisés. 3Por isso, deveis fazer e observar tudo o que eles dizem. Mas não imiteis suas ações! Pois eles falam e não praticam. 4Amarram pesados fardos e os colocam nos ombros dos outros, mas eles mesmos não estão dispostos a movê-los, nem sequer com um dedo. 5Fazem todas as suas ações só para serem vistos pelos outros. Eles usam faixas largas, com trechos da Escritura, na testa e nos braços, e põem na roupa longas franjas. 6Gostam de lugar de honra nos banquetes e dos primeiros lugares nas sinagogas. 7Gostam de ser cumprimentados nas praças públicas e de serem chamados de Mestre.

8Quanto a vós, nunca vos deixeis chamar de Mestre, pois um só é vosso Mestre e todos vós sois irmãos. 9Na terra, não chameis a ninguém de pai, pois um só é vosso Pai, aquele que está nos céus. 10Não deixeis que vos chamem de guias, pois um só é o vosso Guia, Cristo. 11Pelo contrário, o maior dentre vós deve ser aquele que vos serve. 12Quem se exaltar será humilhado, e quem se humilhar será exaltado”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Ouça a Homilia

O humilhado é sempre exaltado pela sabedoria de Deus

 “Pelo contrário, o maior dentre vós deve ser aquele que vos serve. Quem se exaltar será humilhado, e quem se humilhar será exaltado ” (Mateus 23,11-12).

Jesus está ensinando aos Seus discípulos e nós também, nos dias de hoje, a termos cuidado com os mestres da Lei e com os fariseus e, a sobretudo, observarmos a nossa própria vida, para que não nos tornemos um mestre da Lei e um fariseu na vivência religiosa.

É importante dizer que os mestres da Lei e os fariseus eram as grandes referências religiosas na época de Jesus. Os mestres da Lei eram mestres da Lei porque conheciam a Lei, porque estudavam e tinha autoridade sobre ela. Os fariseus eram aqueles que tinham uma observância estrita da Lei Divina, observavam até mais que os outros. E Jesus está nos dizendo que eles não servem de referência nem de exemplo, porque eles falam, mas não fazem; eles ensinam, mas não praticam; eles cobram dos outros, mas não cobram de si mesmos; ou seja, eles não têm autoridade.

Até escutem eles, mas não façam o que eles fazem; o que eles ensinam sobre a Lei não é mentira, a Palavra de Deus é essa, mas se eles não dão exemplo, não siga o mau exemplo deles. Isto é, mais do que nunca, pertinente para os tempos em que vivemos.

Quem se exalta, será humilhado pela vida, mais humilhado, inclusive, pelo julgamento de Deus

É preciso dizer que, muitas vezes, até nós, que estamos ensinando a Palavra de Deus, precisamos realmente nos revermos, porque não basta usar, é preciso viver o que se ensina; não basta falar, é preciso primeiro viver o que se fala, porque senão cairemos na grande contradição da vida religiosa. São religiões que muito cobram e pouco na prática vivem, são autoridades religiosas que são boas para falar, para gritar, para exigir dos outros, mas pouco na prática comuns.

Que a Palavra de Deus nos ensine a não sermos guias cegos, mas sermos guias da luz; e, para isso, precisamos viver na luz e na graça.

A primeira coisa que precisa aprender é não sermos grandes, é não querermos ser importantes, é não querermos ser donos da verdade porque começamos a cair em contradição quando nos sentimos senhores do bem e do mal. Quando pegamos para nós uma autoridade da verdade, achamos que sabemos tudo, que podemos tudo, que só passa pelo meu critério, que só a minha verdade é a verdade.

Cuidado! Aquele que se sente grande, se torne menor; aquele que acha que sabe tudo, procure ser aquele que mais deve aprender. A grande lição da vida é sabermos aprender, inclusive, com os pequenos.

Quem se exalta, será humilhado pela vida, mais humilhado, inclusive, pelo julgamento de Deus. Procure humilhar o próprio coração, a própria sabedoria e a própria razão que se sente maior do que todos, porque quem se humilha será sempre exaltado pela sabedoria de Deus.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo - Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com - Facebook

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.