Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Primeira Leitura (Rm 7,18-25a)

Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos.

Irmãos, 18estou ciente de que o bem não habita em mim, isto é, na minha carne. Pois eu tenho capacidade de querer o bem, mas não de realizá-lo. 19Com efeito, não faço o bem que quero, mas faço o mal que não quero. 20Ora, se faço aquilo que não quero, então já não sou eu que estou agindo, mas o pecado que habita em mim. 21Portanto, descubro em mim esta lei: Quando quero fazer o bem, é o mal que se me apresenta.

22Como homem interior ponho toda a minha satisfação na lei de Deus; 23mas sinto em meus membros outra lei, que luta contra a lei da minha razão e me aprisiona na lei do pecado, essa lei que está em meus membros. 24Infeliz que eu sou! Quem me libertará deste corpo de morte? 25aGraças sejam dadas a Deus, por Jesus Cristo, nosso Senhor.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Salmo Responsorial (Sl 118)

— Ensinai-me a fazer vossa vontade!

— Ensinai-me a fazer vossa vontade!

— Dai-me bom senso, retidão, sabedoria,/ pois tenho fé/ nos vossos santos mandamentos!

— Porque sois bom/ e realizais somente o bem,/ ensinai-me a fazer vossa vontade!

— Vosso amor/ seja um consolo para mim,/ conforme a vosso servo prometestes.

— Venha a mim o vosso amor e viverei,/ porque tenho em vossa lei/ o meu prazer!

— Eu jamais esquecerei vossos preceitos,/ por meio deles/ conservais a minha vida.

— Vinde salvar-me, ó Senhor,/ eu vos pertenço!/ Porque sempre procurei/ vossa vontade.

Evangelho (Lc 12,54-59)

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 54Jesus dizia às multidões: “Quando vedes uma nuvem vinda do ocidente, logo dizeis que vem chuva. E assim acontece. 55Quando sentis soprar o vento do sul, logo dizeis que vai fazer calor. E assim acontece. 56Hipócritas! Vós sabeis interpretar o aspecto da terra e do céu. Como é que não sabeis interpretar o tempo presente? 57Por que não julgais por vós mesmos o que é justo?

58Quando, pois, tu vais com o teu adversário apresentar-te diante do magistrado, procura resolver o caso com ele enquanto estais a caminho. Senão ele te levará ao juiz, o juiz te entregará ao guarda, e o guarda te jogará na cadeia. 59Eu te digo: daí tu não sairás, enquanto não pagares o último centavo”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Ouça a Homilia (Programa Manhã de luz com Pe. Alex Nogueira)

O discípulo do Senhor está sempre atento aos sinais dos tempos

“Hipócritas! Vós sabeis interpretar o aspecto da terra e do céu. Como é que não sabeis interpretar o tempo presente” (Lucas 12,56-57).

Temos que cuidar muito para a hipocrisia não dilacerar o nosso coração, porque é uma hipocrisia, de fato, sabermos distinguir quando as coisas estão nos incomodando. Quando dizemos: “O tempo está fechado. Vai chover”, “O tempo está aberto. Vai fazer sol”, é porque sabemos olhar os aspectos da natureza. Também sabemos olhar as pessoas, se estão bem ou não, de acordo com os nossos interesses, mas, muitas vezes, portamo-nos numa atitude de indiferença e falta de cuidado.

O discípulo do Senhor é aquele que está sempre atento aos sinais dos tempos. Primeiro, atento ao sinal do tempo em que nós vivemos. Não podemos ignorar as coisas que acontecem no meio de nós, como se tudo estivesse bem quando tudo não está bem. Vivemos tempos acelerados, vivemos tempos de profundas transformações e não podemos nos comportar com ingenuidade diante dos acontecimentos do tempo presente de forma alguma.

Que saibamos interpretar os tempos em que nós vivemos com a graça, com a luz e com o discernimento necessário que o Senhor nos dá

Não é simplesmente achar que vivemos uma revolução digital e tecnológica, com tudo aquilo ela que traz, realmente é um mundo de transformação, mas não consigo prestar atenção no que está acontecendo ao meu lado. Os pais que não conseguem prestar atenção nas transformações que seus filhos estão vivendo… Não estou aqui para acusar, estou aqui para alertar a cada um de nós. Muitas vezes, um filho fica trancado dentro de um quarto dia e noite, e um pai e uma mãe não estão atentos ao que está acontecendo; muitas vezes, ele está lá escravizando-se com esses meios digitais, vivendo processos de transformações profundas, e não estamos atentos.

Você sabe que, desde pequeno, você acompanha uma criança; e todo e qualquer processo de mudança exige uma atenção, até porque causa uma tensão, mas toda atenção não é para nos deixar tensos, é para nos alertar do que precisamos cuidar, o que nós precisamos fazer, como precisamos agir.

Não deixe as coisas andarem por andarem, não deixe as coisas acontecerem por acontecerem; incêndios seriam evitados se as pessoas prestassem atenção na primeira chama que se acendeu e apagasse aquela chama. “Mas é apenas uma ‘chaminha’. Não tem problema”. Tem! Porque depois provocam desastres porque não se cuidou daquela pequena chama. Quantas coisas acontecem no nosso corpo! Às vezes, é uma “verruguinha” que vem; às vezes, é um sinal de que se cuidássemos daquele primeiro sinal evitaríamos o câncer ou tantas outras coisas, porque não prestamos atenção nos sinais que o próprio corpo está dando.

É preciso prestar atenção nos sinais dos tempos. E aqui não é criar alarde, não é ser profeta da desgraça, não é sempre ficar prevendo ou provocando o mal, mas é cuidar para que o mal não cresça. Se estivermos atentos aos sinais da vida, nós a viveremos com mais cuidado, mais responsabilidade, sabendo transformar os tempos em que nós vivemos.

Não sejamos hipócritas, se nós sabemos interpretar tanta coisa, que saibamos interpretar os tempos em que nós vivemos com a graça, com a luz e com o discernimento necessário que o Senhor nos dá.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo - Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. https://www.facebook.com/pe.rogeraraujo/?fref=ts

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.