Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Primeira Leitura (At 5,27-33)

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

Naqueles dias, 27eles levaram os apóstolos e os apresentaram ao Sinédrio. O sumo sacerdote começou a interrogá-los, 28dizendo: “Nós tínhamos proibido expressamente que vós ensinásseis em nome de Jesus. Apesar disso, enchestes a cidade de Jerusalém com a vossa doutrina. E ainda nos quereis tornar responsáveis pela morte desse homem!”

29Então Pedro e os outros apóstolos responderam: “É preciso obedecer a Deus, antes que aos homens. 30O Deus de nossos pais ressuscitou Jesus, a quem vós matastes, pregando-o numa cruz. 31Deus, por seu poder, o exaltou, tornando-o Guia Supremo e Salvador, para dar ao povo de Israel a conversão e o perdão dos seus pecados. 32E disso somos testemunhas, nós e o Espírito Santo, que Deus concedeu àqueles que a Ele obedecem”. 33Quando ouviram isto, ficaram furiosos e queriam matá-los.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Salmo Responsorial (Sl 33)

— Este infeliz gritou a Deus, e foi ouvido.

— Este infeliz gritou a Deus, e foi ouvido.

— Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo, seu louvor estará sempre em minha boca. Provai e vede quão suave é o Senhor! Feliz o homem que tem nele o seu refúgio!

— Mas ele volta a sua face contra os maus, para da terra apagar sua lembrança. Clamam os justos, e o Senhor bondoso escuta e de todas as angústias os liberta.

— Do coração atribulado ele está perto e conforta os de espírito abatido. Muitos males se abatem sobre os justos, mas o Senhor de todos eles os liberta.

Evangelho (Jo 3,31-36)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós!

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor!

31“Aquele que vem do alto está acima de todos. O que é da terra, pertence à terra e fala das coisas da terra. Aquele que vem do céu está acima de todos. 32Dá testemunho daquilo que viu e ouviu, mas ninguém aceita o seu testemunho. 33Quem aceita o seu testemunho atesta que Deus é verdadeiro. 34De fato, aquele que Deus enviou fala as palavras de Deus, porque Deus lhe dá o espírito sem medida. 35O Pai ama o Filho e entregou tudo em sua mão. 36Aquele que acredita no Filho possui a vida eterna. Aquele, porém, que rejeita o Filho não verá a vida, pois a ira de Deus permanece sobre ele”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Ouça a Homilia

Proclamemos o nome de Jesus a todos os corações

 “Nós tínhamos proibido expressamente que vós ensinásseis em nome de Jesus. Apesar disso, enchestes a cidade de Jerusalém com a vossa doutrina” (At 5,28).

Quiseram paralisar os apóstolos: foram proibidos, não permitiram que eles pregassem nem anunciassem o nome de Jesus, não permitiram que proclamassem Sua morte nem anunciassem que Ele estava vivo e era o Senhor.

A verdade é que quanto mais proibiam, mais eles anunciavam. Quanto mais não era permitido, mais eles faziam, porque ninguém pode calar o que é de Deus. A resposta é justamente essa, Pedro respondeu a eles: “É preciso obedecer a Deus, antes que aos homens”.

É Deus quem está nos ordenando: anunciemos e proclamemos o nome de Jesus, do alto das paredes, do alto de nossas casas, de todos os cantos e lugares, em todo o tempo, é preciso anunciar que Jesus está vivo e que Ele é o Senhor.

Em hipótese nenhuma, isso significa desobediência civil; em hipótese nenhuma, significa que temos de viver a rebeldia. Não podemos mesmo!

Vivemos tempos onde temos liberdade para anunciar o Evangelho; e ninguém pode tirar aquilo que é um direito nosso: anunciar e pregar Jesus, ainda que os tempos e as circunstâncias nos levem a adaptar a pregação, quando não nos é permitido estar no templo, por questões e razões maiores, que é a vida humana.

Ainda que seja no silêncio, que o nome de Jesus seja anunciado

Não pregamos no templo, mas fazemos de nossas casas templos, fazemos dos meios modernos que temos para evangelizar, como esse que você está recebendo, o canal para anunciar Jesus.

Não podemos permitir que tirem o nome de Jesus dos nossos livros, das nossas redes sociais nem dos meios de comunicação. Não podemos permitir que igrejas sejam fechadas, porque ninguém pode fechar as nossas igrejas. Podem conter as coisas, mas proibir jamais!

Ainda que seja no silêncio, que o nome de Jesus seja anunciado. Ainda que seja de forma criativa e nova, não deixemos de anunciar e proclamar o nome de Jesus.

As pessoas precisam conhecer Jesus, precisam amá-Lo. Há muito tempo, uso as redes sociais, os meios de comunicação que Deus nos dá para evangelizar, pregar e formar. Precisamos usar mais ainda com criatividade para não abusar; com discernimento, para não ficar uma coisa enfadonha. Com amor, ternura e uma dose do Evangelho, precisamos colocar, em cada espaço, o nome de Jesus.

É importante obedecer a Deus, e obedecemos a Ele anunciando o nome de Jesus a todos os corações.

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo  - Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios