Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Primeira Leitura (Eclo 44,1.10-15)

Leitura do Livro do Eclesiástico.

1Vamos fazer o elogio dos homens famosos, nossos antepassados através das gerações. 10Estes, são homens de misericórdia; seus gestos de bondade não serão esquecidos. 11Eles permanecem com seus descendentes; seus próprios netos são sua melhor herança. 12A descendência deles mantém-se fiel às alianças, 13e, graças a eles, também os seus filhos. Sua descendência permanece para sempre, e sua glória jamais se apagará. 14Seus corpos serão sepultados na paz e seu nome dura através das gerações. 15Os povos proclamarão a sua sabedoria, e a assembleia vai celebrar o seu louvor.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Responsório (Sl 131)

— O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, o rei Davi.

— O Senhor vai dar-lhe o trono de seu pai, o rei Davi.

— O Senhor fez a Davi um juramento, uma promessa que jamais renegará: “um herdeiro que é fruto do teu ventre colocarei sobre o trono em teu lugar!”

— Pois o Senhor quis para si Jerusalém e a desejou para que fosse sua morada: “Eis o lugar do meu repouso para sempre, eu fico aqui: este é o lugar que preferi!”

— “De Davi farei brotar um forte herdeiro, acenderei ao meu ungido uma lâmpada. Cobrirei de confusão seus inimigos, mas sobre ele brilhará minha coroa!”

Evangelho (Mt 13,16-17)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: 16“Felizes sois vós, porque vossos olhos veem e vossos ouvidos ouvem. 17Em verdade vos digo, muitos profetas e justos desejaram ver o que vedes, e não viram, desejaram ouvir o que ouvis, e não ouviram”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Nossos avós têm muito a nos ensinar

Muita coisa em nossa vida seria diferente se soubéssemos escutar mais nossos avós

“Vamos fazer o elogio dos homens famosos, nossos antepassados através das gerações” (Eclo 44,1).

Hoje, celebramos Sant’Ana e São Joaquim, os avós de Jesus, os pais da Virgem Maria. Quando nos lembramos dos avós, lembramo-nos também dos nossos bisavós, tataravós, e muitos deles nós nem conhecemos.

A celebração de hoje remete-nos àqueles que foram importantes para que estivéssemos aqui. Reconhecer quem são os nossos antepassados é reconhecer a nossa própria história e saber que nós somos uma continuidade. É claro que cada um faz a sua própria história, mas essa história não começou conosco, ela começou com os nossos pais e com todos aqueles que vieram antes deles, que são os nossos avós e todos os outros que fazem parte da geração que nos trouxe até o dia de hoje.

“Façamos um elogio, um reconhecimento, um agradecimento”, diz a Palavra. Hoje, eu queria louvar e bendizer muito a Deus por todos aqueles que têm a graça de ser vovó e vovô, porque paira uma bênção muito especial, pois estão vivendo uma segunda geração. E quem é bisavô, que graça maior ainda. Muitos, talvez, estejam me ouvindo agora, mas os nossos avós não são tão velhos assim, aqui não é a “velhice” da idade, mas a da sabedoria de ter gerado, de ter deixado uma descendência. Que Deus abençoe muito aqueles que são avós.

Eu chamo à atenção para que respeitemos, para que amemos e valorizemos aqueles que são nossos vovós. A sabedoria que vem deles, o respeito que merecem, os sofrimentos que já passaram, o aprendizado que já tiveram com a vida… Como é importante valorizar todos os que são mais velhos do que nós, que têm mais idade do que nós!

Precisamos, mais do que nunca, invocar, em nosso tempo, o respeito para com aqueles que são mais velhos. O respeito que começa pela consideração, e esta passa por saber ouvir. Não precisa estar sempre certo, mas há mais sabedoria em quem sabe escutar, abaixar a cabeça do que aquele que quer sempre ter a razão.

Muita coisa em nossa vida seria diferente se soubéssemos escutar mais os nossos pais, os nossos avós e assim por diante. A sabedoria deles nos ajuda a aprender até com os erros que eles cometeram, para que não cometamos os mesmo erros. Agora, o erro maior é não saber ouvir, valorizar, respeitar nem amar aqueles que vieram antes de nós, porque, um dia, nós seremos avós. As gerações vão passando, e como é importante aprendermos quando Deus nos dá essa graça!

Deus abençoe demais você que é vovô e vovó. Deus abençoe muito os seus avós. Deus abençoe aqueles que têm muito a nos ensinar com a saberia da vida.

Deus abençoe você!

Ouça a Homilia

https://www.youtube.com/watch?v=QoqBtZGiGSw
 

Padre Roger Araújo - Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: mailto:padrerogercn@gmail.com – Facebook

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios