Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Primeira Leitura (At 8,1b-8)

Leitura dos Atos dos Apóstolos.

1bNaquele dia, começou uma grande perseguição contra a Igreja de Jerusalém. E todos, com exceção dos apóstolos, se dispersaram pelas regiões da Judeia e da Samaria.

2Algumas pessoas piedosas sepultaram Estêvão e observaram grande luto por causa dele. 3Saulo, porém, devastava a Igreja: entrava nas casas e arrastava para fora homens e mulheres, para atirá-los na prisão. 4Entretanto, aqueles que se tinham dispersado iam por toda a parte, pregando a Palavra. 5Filipe desceu a uma cidade da Samaria e anunciou-lhes o Cristo. 6As multidões seguiam com atenção as coisas que Filipe dizia. E todos unânimes o escutavam, pois viam os milagres que ele fazia.

7De muitos possessos saíam os espíritos maus, dando grandes gritos. Numerosos paralíticos e aleijados também foram curados. 8Era grande a alegria naquela cidade.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Salmo Responsorial (Sl 65)

— Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira.

— Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira.

— Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira, cantai salmos a seu nome glorioso, dai a Deus a mais sublime louvação! Dizei a Deus: “Como são grandes vossas obras!

— Toda a terra vos adore com respeito e proclame o louvor de vosso nome!” Vinde ver todas as obras do Senhor: seus prodígios estupendos entre os homens!

— O mar ele mudou em terra firme, e passaram pelo rio a pé enxuto. Exultemos de alegria no Senhor! Ele domina para sempre com poder!

Evangelho (Jo 6,35-40)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João. 

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 35“Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim não terá mais fome e quem crê em mim nunca mais terá sede. 36Eu, porém, vos disse que vós me vistes, mas não acreditais. 37Todos os que o Pai me confia virão a mim, e quando vierem, não os afastarei.

38Pois eu desci do céu não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou. 39E esta é a vontade daquele que me enviou: que eu não perca nenhum daqueles que ele me deu, mas os ressuscite no último dia. 40Pois esta é a vontade do meu Pai: que toda pessoa que vê o Filho e nele crê tenha a vida eterna. E eu o ressuscitarei no último dia”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Ouça a Homilia

A eternidade começa para quem vive a vida em Jesus

 “Pois esta é a vontade do meu Pai: que toda pessoa que vê o Filho e nele crê tenha a vida eterna. E eu o ressuscitarei no último dia” (João 6,40).

O que é a vontade de Deus para a minha vida? Que eu veja o Seu Filho e creia n’Ele, que eu leve a vida em nome de Jesus e que Ele seja tudo na minha vida.

Não podemos colocar a nossa confiança, a nossa esperança, a nossa vida e a nossa fé em mais nada, a não ser em Jesus. Estamos diante do limite da vida humana, experimentando quão frágil e limitada ela é. Tocar na fragilidade da vida humana é uma realidade que muitos de nós queremos ignorar, não queremos pensar nem encarar.

Se não encararmos agora [a fragilidade humana], vamos encará-la depois, mas termos consciência dela é importante. Não é para nos sentirmos fracassados, pelo contrário, é para termos a certeza e a convicção de que somente Aquele que nos deu a vida é capaz de dar sentido pleno a essa vida, e que Ele pode nos dar a vida eterna.

A eternidade começa agora para quem entrega a sua vida a Jesus

A vida terrena foi dada a todos que estão nela, mas a vida eterna só é dada àquele que crê em Jesus, o Filho de Deus.

Jesus é a vida, e todo aquele que n’Ele crê não perece, mas sua vida se torna plena. Podemos até tocar na morte ou a morte nos tocar, mas Ele há de nos ressuscitar.

A Ressurreição do último dia, na verdade, corresponde à Ressurreição do primeiro dia, porque foi no primeiro dia da semana que Jesus ressuscitou. Aquilo que seria para nós o último dia, o fim das coisas ou o fim dos tempos, torna-se, hoje, o primeiro dia da nossa vida, o primeiro dia da eternidade.

É por isso que, a cada celebração Pascal, a cada domingo, celebro a minha eternidade, porque Aquele que eu creio ressuscitou, e ninguém mais pode Lhe tirar a vida; e quando estou n’Ele, eu participo da eternidade. Não preciso esperar morrer para estar com Jesus, pois a eternidade começa, agora, para quem entrega a sua vida a Ele, para quem vive a sua vida em Jesus, para quem coloca n’Ele a sua confiança, a sua esperança e o seu coração.    

Tenhamos a vida de Deus em nós, porque Ele está no meio de nós, dando-nos a vida e levando-nos para viver a eternidade com Ele a cada dia.

Deus abençoe você!  

Padre Roger Araújo - Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.