Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Pelo segundo ano, as celebrações da Páscoa serão em ambiente digital por causa das restrições devido à Covid-19. Com o número absurdo de mortes, a Páscoa católica tem um significado especial. “O Brasil precisa sair da morte para a vida. Estar unido nesse momento tão difícil e superar com força e coragem”, disse Padre Júlio Lancellotti, o entrevistado do episódio dessa quinta-feira Santa, início do Tríduo Pascal.

O programa vai ao ar no Dia do Padre (Quinta-feira Santa) e explicará quais os significados das celebrações da Páscoa: o lava pés, a partilha do pão, o domingo de Ramos e a Páscoa.

A entrevista é especial nesses tempos de pandemia, com tantas mortes, pessoas esperando vaga em hospitais, a angústia das famílias que perderam seus entes para a Covid, os desempregados, os empresários que perderam seus negócios, o aumento dos moradores em situação de rua e a desesperança.

 “A Semana Santa é o tempo da conversão, da transformação. É tornar a vida eucarística, partilhar com todos e se alimentar da força de Deus. Esse é o momento mais dramático da pandemia. O amor e a dor nos transforma. Cristo está com Covid na UTI entubado, nas filas dos hospitais”, diz padre Júlio.

A entrevista que traz rituais da Semana Santa que passam pela morte, celebra a vida e renova a fé, estreia no Youtube dia 1 de abril, no Canal Angelini.

Vera Moreira/Asimp

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.