Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Bíblia Sagrada - Liturgia do dia 09/09/2016

Primeira Leitura (Mq 5,1-4a)

Leitura do Livro do Profeta Miqueias.

Assim fala o Senhor: 1”Tu, Belém de Éfrata, pequenina entre os mil povoados de Judá, de ti há de sair aquele que dominará em Israel; sua origem vem de tempos remotos, desde os dias da eternidade. 2Deus deixará seu povo ao abandono, até ao tempo em que uma mãe der à luz; e o resto de seus irmãos se voltará para os filhos de Israel. 3Ele não recuará, apascentará com a força do Senhor e com a majestade do nome do Senhor seu Deus; os homens viverão em paz, pois ele agora estenderá o poder até aos confins da terra, 4e ele mesmo será a paz”

— Palavra do Senhor.

— Graças a Deus.

Responsório (Sl 70,6;12,6)

— Exulto de alegria no Senhor.

— Exulto de alegria no Senhor.

— Sois meu apoio desde antes que eu nascesse, desde o seio maternal, o meu amparo: para vós o meu louvor eternamente!

— Uma vez que confiei no vosso amor, meu coração, por vosso auxílio, rejubile, e que eu vos cante pelo bem que me fizestes!

Evangelho (Mt 1,18-23)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.

— Glória a vós, Senhor.

18A origem de Jesus Cristo foi assim: Maria, sua mãe, estava prometida em casamento a José, e, antes de viverem juntos, ela ficou grávida pela ação do Espírito Santo.

19José, seu marido, era justo e, não querendo denunciá-la, resolveu abandonar Maria em segredo.20Enquanto José pensava nisso, eis que o anjo do Senhor apareceu-lhe, em sonho, e lhe disse: “José, Filho de Davi, não tenhas medo de receber Maria como tua esposa, porque ela concebeu pela ação do Espírito Santo.21Ela dará à luz um filho, e tu lhe darás o nome de Jesus, pois ele vai salvar o seu povo dos seus pecados”.

22Tudo isso aconteceu para se cumprir o que o Senhor havia dito pelo profeta: 23“Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho. Ele será chamado pelo nome de Emanuel, que significa: Deus está conosco”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Aprendamos com Maria a sermos todos de Deus

Que Maria nos ensine a sermos todos de Deus, que seja para nós escola e vida

“Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho. Ele será chamado pelo nome de Emanuel, que significa: Deus está conosco” (Mateus 1,23).

Celebramos, hoje, a Natividade da Virgem Maria, o dia do nascimento, do aniversário da Mãe de Deus. Mas não estamos aqui para cantar parabéns ou para acender uma velinha para Nossa Senhora. Ela não precisa disso, pois já está recebendo o maior prêmio que alguém pode receber: está para sempre na glória de Deus!

Estamos aqui, hoje, para celebrar a vida de Maria. Quando celebramos o nosso aniversário, não estamos simplesmente celebrando o bolinho que está ali – e, muitas vezes, nem bolo tem –, porque o importante é celebrar a vida.

A vida é dom, dádiva e graça! Não é vida naquele dia em que nascemos e precisa ser comemorado, mas a vida num todo. A vida pode ter momentos, fases, mas a nossa vida é um todo.

Celebramos nossas vitórias, mas não podemos deixar de reconhecer nossos fracassos, porque é a partir deles que nos levantamos; não podemos deixar de celebrar os momentos que não foram tão bons, que foram difíceis.

Ao celebrarmos, hoje, o nascimento de Maria, a Mãe de Deus, olhamos para toda a vida dela. Primeiro, desde o ventre de sua mãe, ela foi concebida sem o pecado e foi escolhida pelo próprio Deus para ser a Mãe de Seu Filho. Depois, aquela criança, que foi desde pequena consagrada, entregue a Deus, apresentada no templo, cresceu conhecendo a vontade do Senhor. Em seguida, Deus mandou o Arcanjo Gabriel ao seu encontro, para dizer que ela era a escolhida para ser a Mãe do Senhor, apresentou os motivos relativos à sua vida:

Cheia de graça: A graça de Deus é plena na vida dela.

Deus está contigo: Ela sempre caminhou na presença de Deus e Ele estava sempre em Sua presença.

Isabel a reconhece: “Bendita és tu Maria entre todas as mulheres!”. Por que ela é bendita? Porque traz em si o bendito fruto, traz o Divino Salvador, a graça maior de Deus que nela está.

Maria é filha de Deus como todos nós somos. Que graça, que filha unida ao coração do Pai! Que filha dócil à vontade d’Ele! Maria é a esposa do Espírito, ela concebeu em seu ventre um filho, não por obra humana, mas por obra divina. É o próprio Arcanjo quem diz: “O Espírito descerá sobre ti!”. Quando o Espírito entra no ser, no ventre de Maria, ela engravida por ação do Espírito. A mulher do Espírito, movida por ele; a mulher dócil ao Espírito Santo.

Maria é a Mãe do Filho, Mãe enquanto gera a humanidade de Jesus, enquanto educa e cuida d’Ele. Ela é mãe enquanto se faz presente em todos os momentos da vida de Jesus, enquanto vê seu filho pregado e morrendo numa cruz. É a mãe que pega seus filhos nos braços, que os vê ressuscitados; é a mãe que está na glória com seus filhos.

Maria é toda de Deus! Que ela nos ensine a sermos todos de Deus, que seja para nós escola e vida! Ao celebrarmos o aniversário dela, celebramos toda a sua vida voltada para Deus.

Virgem Mãe, ensine-nos, em nossa pequenez, a fazermos da nossa vida um dom, uma dádiva e uma oblação ao Senhor!

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo - Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova - https://www.facebook.com/rogeraraujo.cn

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios