Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Com missas, pregações, Adoração ao Santíssimo Sacramento e cânticos, o encontro será conduzido pelos membros da comunidade católica fundada pelo Servo de Deus, Padre Léo

Neste fim de semana (16 a 18/10) a Comunidade Bethânia, que completou 25 anos no último dia 12, realiza o “Encontro na Trilha da Cura”, na Canção Nova, em Cachoeira Paulista (SP).

Fundada em São João Batista (SC), pelo Servo de Deus, padre Léo Tarcísio Gonçalves Pereira, a comunidade católica tem por missão acolher aqueles que estão em situação de vulnerabilidade social, como dependentes químicos.

Com o tema: “Buscai as coisas do alto” e o lema: “Portanto, se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus” (Cl 3,1), o evento, sem público, começa sexta-feira (16), com a missa às 20h45, no Santuário do Pai das Misericórdias, presidida pelo padre Elinton Costa, formador geral da comunidade Bethânia.

O moderador geral da comunidade Bethânia, padre Vicente de Paula Neto, fará pregação no sábado, às 10h50, sobre o tema do seu livro, recém lançado pela editora Canção Nova: “Coisas do coração: para uma mística do amor acolhedor” (https://www.bethania.com.br/noticias/novo-livro-pe-vicente-aborda-o-carisma-de-bethania-1 056).

A programação segue durante todo o fim de semana com cânticos, orações, pregações, missas e Adoração ao Santíssimo Sacramento. Os fiéis poderão acompanhar tudo pelo Sistema Canção Nova de Comunicação e pelas redes sociais oficiais da Canção Nova.

As missas no Santuário estão abertas ao público, limitado a 40% da capacidade do espaço em cada celebração, sendo necessário o uso de máscara, durante a permanência no local.

Documentário Padre Léo

No sábado às 22h será exibido, pela TV Canção Nova, um documentário sobre a vida de padre Léo, que teve o processo de beatificação aberto em março deste ano. O sacerdote foi escritor, cantor, pregador e apresentador de programas pela TV e Rádio Canção Nova. Ele reunia multidões e era considerado um “humorista de Deus”, por seu jeito alegre e peculiar de evangelizar com histórias, causos da roça, piadas e parábolas. Padre Léo faleceu no dia 4 de janeiro de 2007.

O trabalho da Comunidade Bethânia acontece por meio dos Recantos (casas de acolhimento): em Lorena (SP), Guarapuava (PR), Curitiba (PR), Cianorte (PR), Irati (PR), Itaperuna (RJ), Uberlândia (MG) e São João Batista (SC).

Asimp/Canção Nova

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios