Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Há muitas décadas, Deus começou, numa iniciativa sem precedentes, a conceder uma graça extraordinária para os seus filhos: as aparições da Virgem Maria. Nas mensagens deixadas pela Serva do Senhor, pela nossa Mãe do Céu, há sempre a mesma tônica: a oração.

Em La Salete, em Lourdes, Fátima e em suas aparições em Medjugorje, a Virgem Maria insiste em convocar os filhos da Igreja à oração. Por outro lado, o Espírito Santo tem levantado na Igreja pós-conciliar movimentos e líderes que ensinam e orientam os cristãos a vivenciar diversas formas de oração.

Tudo isso tem acontecido no seio da Igreja como uma reação do próprio Deus, diante da urgente necessidade gerada pela degradação espiritual, moral e social que o mundo hodierno tem experimentado.

Estamos na era da crise

A vida de muitos cristãos, casais, jovens e de muitas famílias têm se esfarelado diante das tentações e pecados que o estilo de vida atual tem oferecido para o ser humano.

A palavra que mais se ouve e se lê no cotidiano é: crise. Seja na área financeira, familiar, profissional, afetiva, acadêmica, espiritual, social, política etc.

Estamos na era da crise! A vida é bombardeada diariamente com crises. E o interessante é que existem aqueles que se julgam estabilizados, enquanto uma das crises lhes corrói uma área da vida, sem que sequer consigam enxergar a tempo de evitar o desmoronamento.

A necessidade de orar

Sem dúvida, estamos num tempo em que o povo da Igreja, por meio de seus filhos e de você precisa aprender a orar, a mergulhar no coração de Deus, onde estão todas as soluções para cada crise.

O sonho de Deus é que todos os Seus filhos sejam verdadeiramente orantes.

Pela oração, você aprende a relacionar-se com Deus, a conhecer o coração d’Ele. Pela oração, você experimenta, verdadeiramente, a presença dulcíssima, revigorante e consoladora do Senhor, especialmente quando se sente desfalecido, desencorajado, derrotado, carente, solitário, magoado, ressentido, medroso, inseguro, irritado, confuso.

O remédio para a crise

A oração é mais do que falar com Deus. Muito mais que isso! A oração é um encontro, uma experiência pessoal entre um ferido e um Médico, um filho e um Pai, um aprendiz e um Mestre, um amigo e o Amigo, onde cada um fala, ouve e responde ao outro.

Pela oração, alcançamos o primeiro e fundamental remédio para a “doença das crises”, que está fechando o cerco ao homem moderno: o Deus único, que é Amor e Misericórdia, e é o Amigo Todo-Poderoso.

Ulisses Silva Henrique - Missionário da Comunidade Canção Nova

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.