Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná

A Prefeitura de Cambé sinalizou positivamente à Associação dos Municípios do Médio Paranapanema (Amepar) que participará da tentativa de compra de vacinas contra covid-19 que a instituição vai fazer. Em reunião realizada na manhã da quinta-feira (18), prefeitos que integram a associação decidiram enviar uma carta de intenções de compra a alguns laboratórios para tentar adquirir em conjunto lotes do imunizante.

O prefeito Conrado Scheller garantiu que separou um montante para a compra de doses de vacinas, mas ressaltou que existe uma grande dificuldade de encontrar onde comprar. “Nós estamos fazendo a nossa parte que é de tentar comprar, mas é de conhecimento público que está faltando vacinas no mundo todo. O governo estadual também está tentando e não está encontrando. Tem mais um detalhe: conforme a lei 14125, nós prefeitos podemos comprar apenas se o governo federal não fornecer, o que é outro fator limitante”, pontuou o prefeito. “Mas a população pode ficar tranquilizada de que quando tiver vacina para comprar, Cambé vai comprar”, completou.

O município também já sinalizou a intenção de adquirir doses de vacina por meio do Consórcio Paraná Saúde, que reúne 398 municípios paranaenses. O Governo do Estado separou R$ 200 milhões para complementar o investimento das prefeituras nestas aquisições por meio deste consórcio.

Conrado lembra que mesmo com os planos de compra de vacinas, a cidade não abre mão das doses que são enviadas pelo Ministério da Saúde dentro do Plano Nacional de Imunização.

NCPMC

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios