Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O deputado estadual Cobra Repórter apresentou na sessão plenária da Assembleia Legislativa de segunda (11), um projeto de lei que cria o Certificado Estadual de Segurança Contra Contaminação do Coronavírus (COVID-19), expedido pelo Estado do Paraná, aos estabelecimentos comerciais que cumprirem todas as restrições impostas pela Legislação Federal, Estadual e Municipal, de combate e prevenção ao coronovírus, enquanto perdurar a pandemia.

De acordo com o deputado, o certificado garantirá o índice elevado de segurança sanitária dos estabelecimentos que receberiam o selo de “Area Com Probabilidade Reduzida De Contaminação” expresso por meio de cartazes, que deverão ser afixados na entrada e no interior dos estabelecimentos para conhecimento geral.

"O objetivo é garantir às pessoas a segurança de frequentar estes lugares, assim como  visa garantir aos estabelecimentos, o retorno gradual e definitivo às atividades, especialmente shoppings, galerias e igrejas", afirmou Cobra Repórter.

Os shopping centers, para receberem a certificação, não podem permitir a entrada e o trânsito de pessoas no interior e áreas adjacentes, sem o uso de máscaras de proteção e devem fornecer álcool gel a todos. Também precisam aferir a temperatura corporal e os apresentarem temperatura superior a 38º e sintomas semelhantes aos de gripe ou resfriado, deverão ser imediatamente testadas e, se positivadas, encaminhadas para a unidade de saúde pertinente.

Cobra Repórter destaca ainda que o estabelecimento que afixar os cartazes, sem que tenha cumprido todas as exigências, poderá ter cancelado o registro na Junta Comercial do Paraná, poderá ser fechado e o responsável pelo estabelecimento receberá multa de 300 Ufir/Pr (trezentas unidades padrão fiscal do Estado do Paraná).

Veruska Barison/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios