Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Saúde 15/09/2016  09h15

Finalmente UPA Maria Angélica vai receber repasse do Ministério da Saúde

Unidade de Pronto Atendimento receberá R$ 250 mil mensais para ajuda de custeio; até o momento estrutura foi custeada inteiramente pela Prefeitura

Após um ano de reivindicação, o Município vai começar a receber do Ministério da Saúde incentivos financeiros, no valor mensal de R$ 250 mil, destinados à Unidade de Pronto Atendimento Maria Angélica Castoldi (Leste-Oeste). O repasse será feito após publicação no Diário Oficial da União (DOU).

A Secretaria Municipal de Saúde solicitou a visita técnica desde o início do funcionamento da unidade, em setembro de 2015, objetivando a avaliação e parecer do Ministério da Saúde.  A aprovação ocorreu em julho deste ano.

“Desde o início das atividades da UPA Maria Angélica, o Município mantém o funcionamento do serviço integralmente com recursos do cofre público municipal. A habilitação do repasse é muito bem-vinda e nos auxiliará no custeio das despesas e manutenção necessárias para o atendimento à população”, explicou a diretora-geral da Secretaria Municipal de Saúde, Eliana Marussi.

De acordo com a Portaria n° 342, de 4 de março de 2013, o valor do repasse corresponde ao porte da Unidade de Pronto Atendimento (Porte III) e poderá ser utilizado para a compra de medicamentos e produtos médico-hospitalares, pagamento da folha de pessoal, manutenção de serviços, pagamento de luz, água, telefone, impressão e outros.

Atualmente, a Unidade de Pronto Atendimento Leste-Oeste atende uma área de abrangência de 200 mil a 300 mil habitantes, em que cerca de 400 pessoas procuram diariamente a UPA.

Ana Paula Hedler/N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios