Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A saúde do Paraná receberá um reforço de mais de R$ 13 milhões em 2020 por meio de emendas parlamentares da deputada Gleisi Hoffmann (PT-PR). Além de hospitais e santas casas, esses recursos ajudarão dezenas de municípios, contribuindo para a melhoria do atendimento da população. Em 2019, as emendas para o setor somaram mais de R$ 8 milhões, beneficiando 50 municípios e hospitais de Curitiba e interior. "Saúde é a área mais priorizada pelo meu mandato na destinação de emendas parlamentares.  Precisamos garantir um atendimento melhor para a população e isso só se faz com investimentos", diz Gleisi.

Entre os hospitais beneficiados estão o Erasto Gaertner, que é referência no tratamento de pessoas com câncer, e  a  Santa Casa de Misericórdia de Curitiba, o primeiro hospital da capital paranaense. "Todos os anos destinamos emendas para ajudar essas instituições. Eles recebem pessoas de todo estado e de todo país e precisam de ajuda para manter a excelência do atendimento."
No interior as emendas foram destinadas para hospitais de Apucarana, Arapongas, Londrina, Ponta Grossa, Campina Grande do Sul, Francisco Beltrão, União da Vitória, além de municípios de várias regiões do estado. "Temos que olhar para o que interessa a população e a Saúde é a prioridade", acrescenta a deputada.
Veja os hospitais beneficiados com emendas em 2020:
Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba- R$ 350 mil
Hospital Pequeno Príncipe de Curitiba- R$ 172 mil (emenda individual) e mais R$ 277.500 mil (emenda de bancada)
Hospital Erasto Gaertner - R$ 350 mil
Associação Norte Paranaense de Combate ao Câncer/Honpar -  R$ 150 mil
Hospital do Câncer de Londrina- R$ 200 mil
Hospital Angelina Caron de Curitiba - R$ 300 mil
Hospital São Camilo de Ponta Grossa-  R$ 150 mil
Hospital Regional do Sudoeste - Walter Alberto Pecoits R$ 200 mil
Hospital Regional São Camilo de União da Vitória- R$ 138.750 mil
Veja os municípios beneficiados com emendas em 2020:
R$ 300 mil/ Cascavel
R$ 290 mil/ Planalto
R$ 240 mil/ Mandirituba

R$ 200 mil (cada um)

Apucarana
Dois Vizinhos
Fernandes Pinheiro
Mandaguaçu
Paraíso do Norte
Rio Bonito do Iguaçu
Paranaguá
R$ 150 mil  (cada um)
Bom Jesus do Sul
Califórnia
Campina Grande do Sul
Centenário do Sul
Cerro Azul
Congoinhas
Irati
Itaperuçu
Laranjeiras do Sul
Pinhão
Rebouças
Santa Isabel do Oeste
Pinhal de São Bento

R$ 138.750 mil/ União da Vitória

R$ 120 mil (cada um)

Santana do Itararé
Florestópolis

R$ 100  mil  (cada um)

Quedas do Iguaçu
Andirá
Assis Chateaubriand
Campo Bonito
Campo do Tenente
Chopinzinho
Coronel Vivida
Enéas Marques
Flórida
Godoy Moreira
Guaraniaçu
Lidianópolis
Lindoeste
Medianeira
Nova Esperança
Paiçandu
Perobal
Rio Branco do Ivaí
Santa Maria do Oeste
Santa Mariana
Santo Antônio da Platina
São Carlos do Ivaí
São Miguel do Iguaçu
Sarandi
Agudos do Sul
Arapongas
Cambé
Campo Magro
Cantagalo
Contenda
Foz do Iguaçu
Goioxim
Guaíra
Iretama
Matelândia
Mato Rico
Palmital
Piên
Presidente Castelo Branco
Quedas do Iguaçu
Quintas do sol
Quitandinha
Rio Negro
Rolândia
Roncador
São Jerônimo da Serra
Tijucas do Sul
Virmond
Capanema
Manfrinópolis
Mangueirinha
Pérola d'Oeste
São Jorge D'Oeste
R$ 77.500/ Fundo Municipal de Francisco Beltrão

Débora Matos/Ascom

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios