Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Unidades de Saúde do San Rafael, Bom Pastor, Agenor Barduco e Centro de Saúde estarão abertas neste sábado, das 9 às 16 horas, exclusivamente para vacinar idosos e público contemplado na segunda etapa

Nesta semana começa a segunda etapa da campanha de vacinação contra a gripe. Buscando evitar aglomerações nas unidades de saúde nos mesmos dias de atendimento às pessoas com sintomas respiratórios, as Unidades de Saúde do San Rafael, Bom Pastor, La Fontaine (Agenor Barduco) e Centro de Saúde (Centro) estarão abertas nesse sábado, 18/04, das 9 às 16 horas, exclusivamente para vacinação contra gripe.

Das 9 às 11 horas a vacinação será apenas para os idosos que ainda não foram imunizados na primeira etapa da campanha. A partir das 11 horas a vacina também estará disponível para os profissionais de saúde e o público contemplado nesta segunda etapa, conforme calendário estabelecido pelo Ministério da Saúde -  profissionais das forças de segurança e salvamento, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, caminhoneiros, motoristas e cobradores de transporte coletivo e portuários, além de indígenas. Também será possível a vacinação por meio do sistema drive-thru, em que um profissional de saúde vai até o automóvel da pessoa a ser vacinada.

A Secretaria Municipal de Saúde solicita que os profissionais apresentem comprovante profissional e os portadores de doenças crônicas a prescrição médica ou receita recente. É importante levar a carteira de vacinação e um documento de identificação com foto.

Paralelo a isso, continua a vacinação para idosos com mais de 80 anos e/ou idosos acamados.

2ª etapa até 8 de maio

A segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe segue até 9 de maio. Conforme a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Vanessa Luquini, Ibiporã recebeu esta semana da Secretaria do Estado da Saúde (SESA) uma remessa de 3.900 doses. “Conforme formos recebendo as remessas vamos divulgando as estratégias de vacinação a fim de evitar filas e aglomerações nas unidades de saúde por conta do novo coronavírus”, explica Vanessa.

Uma terceira fase da campanha está prevista para início em 9 de maio e terá como população-alvo os professores das escolas públicas e privadas, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes, puérperas, adultos de 55 a 59 anos de idade e pessoas com deficiência.

Balanço

Até o momento, a Secretaria de Saúde imunizou 6.564 pessoas, entre idosos e profissionais de saúde, público-alvo contemplado na primeira fase da campanha, iniciada em 23 de março. Nas pessoas com mais de 60 anos, a cobertura vacinal chegou a 98,89%, superando a meta de 90% estabelecida pelo Ministério da Saúde. Já entre os profissionais de saúde chegou a 69,27%.

Sobre a vacina

A vacina contra influenza fornecida pelo Ministério da Saúde é composta por vírus inativado, e protege contra os três vírus que mais circularam no ano passado pelo hemisfério sul. São eles: Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2). Embora não proteja contra o COVID-19, a vacinação contra influenza impede outras doenças respiratórias, o que auxilia no diagnóstico durante a pandemia e reduz a demanda das unidades de saúde.

Caroline Vicentini/NCPMI

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios