Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Dose da vacina contra o Influenza estará disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde do município; meta é aplicar mais de 160 mil doses

Tem início, no dia 23 de abril, a Campanha Nacional de Vacinação contra o Influenza. A Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, integra a iniciativa do Ministério da Saúde que tem por objetivo imunizar a população contra a gripe em toda a rede pública de saúde. Em 2018, o Município pretende realizar a meta de 160.122 doses. O governo federal preconiza a cobertura mínima de 90% de vacinação em todos os grupos prioritários estabelecidos na campanha, que segue até o dia 1º de junho.

Todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) irão realizar a aplicação das doses em Londrina. A comunidade pode procurar os serviços no ponto de atendimento mais próximo de seu trabalho ou residência, de segunda a sexta-feira, nos horários regulares de funcionamento das unidades. O Dia D,  data de mobilização nacional, está previsto para o dia 12 de maio, em um sábado.

Podem ser vacinadas pessoas acima de 60 anos, gestantes, puérperas, crianças de 6 meses a 5 anos incompletos, povos indígenas, profissionais da saúde, pessoas com doenças crônicas e outras categorias de risco clínico, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, e adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que cumprem medidas socioeducativas.

Professoras e professores, em atividade, de escolas públicas e privadas, filantrópicas e instituições de ensino superior também foram incluídos no público-alvo inicial da campanha em 2018. Eles podem receber a dose da vacina após apresentar uma declaração emitida pela unidade de ensino onde trabalha.

Todas as pessoas que desejam ser vacinadas devem comparecer às unidades de saúde com documentos pessoais e carteirinha de vacinação, para facilitar os atendimentos e o registro da dose. A vacina é aplicada em dose única para todos os grupos prioritários, exceto as crianças de 6 meses a 5 anos incompletos, que são imunizadas em duas doses, com intervalo de 30 dias entre cada uma. No entanto, aquelas crianças que já receberam as duas doses em 2017, necessitarão tomar apenas dose única agora.

A gerente de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, Fátima Tomimatsu, enfatizou que a campanha é de grande importância para que todos os municípios imunizem suas populações e evitem o aumento da ocorrência de complicações como a pneumonia, por exemplo. “As síndromes gripais são altamente transmissíveis e de fácil contágio entre a população, é uma doença que ainda pode levar a óbito nos casos mais severos. Por isso, a campanha tem o papel de ofertar gratuitamente a vacina e fortalecer a conscientização do público para o tema”, comentou.

Ainda segundo Fátima, a recomendação é que as pessoas que integram os grupos prioritários, para os quais a campanha se direciona, fiquem sempre atentas a sinais como febre, dor de garganta e em outras partes do corpo, mal-estar e outros sintomas de gripe ou que possam apontar comprometimento mais sérios.

Dados

Segundo levantamento recente da Organização Mundial de Saúde (OMS), a gripe é uma doença que mata mais de 650 mil pessoas todos os anos. Estima-se que aproximadamente 10% da população seja infectada anualmente por algum tipo de vírus influenza e que 1,2 bilhão de pessoas apresentem risco elevado para complicações relacionadas à doença. Deste total, 385 milhões são de idosos acima de 65 anos, 140 milhões de crianças e 700 milhões de pessoas com doenças crônicas.

A Influenza pode ser causada por mais de um tipo de vírus, nas classificações A e B, e possui vários subtipos.

A vacina

Em 2018, a Campanha Nacional contra Influenza aplicará vacina contendo uma cepa A/H1N1, uma cepa A/H3N2 e uma cepa B linhagem Victoria e Yamagata.

Renan Oliveira/NC/PML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios


Notice: Undefined variable: usuario_tk in /var/www/vhosts/jornaluniao.com.br/httpdocs/widget_footer.php on line 245
NULL