Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Poderão ser imunizadas somente as pessoas com 60 a 79 anos que fizerem agendamento prévio de horário para a vacinação

A Secretaria Municipal de Saúde vai promover uma ação de vacinação voltada aos idosos de 60 a 70, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da zona urbana, neste sábado (4), das 8 às 19 horas. A prefeitura recebeu 20 mil doses da Vacina Influenza Trivalente, suficientes para atender toda esta faixa etária. Para ser imunizado é necessário fazer agendamento prévio.

Pela internet as vagas de agendamento já foram esgotadas. Ainda é possível agendar em algumas UBSs, por telefone, na unidade de referência do idoso. A listagem completa com o telefone das unidades pode ser conferida na página da Secretaria Municipal de Saúde. Clique aqui para acessar a lista. Das 20 mil doses, metade foi reservada para o agendamento online e a outra metade para o telefônico.

Lembrando que os idosos com 80 anos ou mais continuam sendo vacinados em suas residências, desde quando a campanha iniciou, no dia 23 de março. Neste caso, não é necessário fazer agendamento, basta aguardar as equipes chegarem às residências. A medida visa evitar que o público mais vulnerável saia de suas casas, devido à pandemia do novo coronavírus. Os trabalhadores da saúde continuarão sendo vacinados em seus locais de trabalho.

“Vamos vacinar 100% dos 60 mil idosos que temos em Londrina. Temos até o dia 14 de abril para fazer a imunização neste público, por isso não precisa haver pânico. Quem ainda não recebeu a dose irá receber, pois nosso objetivo é proteger o público mais vulnerável às doenças respiratórias”, ressaltou o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado.

A Vacina Influenza Trivalente não protege contra o coronavírus, contudo é uma maneira de proteger contra doenças respiratórias, que podem favorecer o aparecimento de outras infecções. Ela garante a proteção contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no Hemisfério Sul, incluindo o H1N1. Em Londrina, mais de 35 mil idosos já receberam a dose, desde o início da campanha, antecipada para março, pelo Ministério da Saúde.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios