Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Crianças de até cinco anos devem ser imunizadas; Em Londrina, vacina é ofertada nas Unidades Básicas de Saúde e no Centro de Imunização

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) prorrogou a campanha de vacinação contra a poliomielite, conforme as recomendações da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná (SESA/PR). A vacinação continuará vigorando até que os estoques da vacina cheguem ao fim ou até que a cobertura vacinal atinja a meta estabelecida de 95% do público-alvo imunizado.

Em Londrina, assim como nas outras 21 unidades regionais de saúde do Paraná, a adesão da população à campanha tem sido baixa. Isso porque apenas 6.818 das 26.264 crianças menores de cinco anos do município foram imunizadas, o que representa cerca de 26% do total.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, a baixa cobertura é resultado de boatos e informações distorcidas sobre a vacina, que são compartilhadas nas redes sociais. “Nós precisamos reforçar a importância da vacinação, que protege as nossas crianças. A vacina contra a poliomielite é segura, eficaz e tem a função primordial de evitar essa grave doença. A gente observa uma “onda antivacina” muito forte em todo o território nacional, cuja consequência é o retorno de doenças que já estavam erradicadas como, por exemplo, o sarampo”, explicou o secretário.

Vacinação

Pais, mães e responsáveis por crianças menores de cinco anos podem levá-las à Central de Imunização, que fica no CMEI Valéria Veronesi (Supercreche), na Rua Benjamin Constant, 800. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 14h às 20h, com 200 vagas diárias para vacinação no local.

Além da Central, as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) também ofertam a imunização, exceto as seis unidades que estão atendendo exclusivamente pacientes com suspeitas de síndromes respiratórias (Jardim Guanabara/Centro; Bandeirantes/Oeste; Ouro Branco/Sul; Chefe Newton e Maria Cecília/Norte; e Vila Ricardo/Leste). Devido às medidas de segurança contra à pandemia causada pelo novo Coronavírus, o atendimento deve ser agendado por telefone, a fim de evitar possíveis aglomerações. A lista com os endereços e números telefônicos de todas as UBSs de Londrina pode ser acessada aqui.

Poliomielite

Também chamada de paralisia infantil ou pólio, a poliomielite é uma doença capaz de provocar paralisia irreversível. Atinge, principalmente, crianças com até quatro anos de idade, mas também pode acometer adultos que não foram vacinados. Por isso, é fundamental que as crianças de até cinco anos sejam imunizadas.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.