Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Duas novas cirurgias inovadoras foram feitas no Hospital Universitário (HU) da Universidade Estadual de Londrina (UEL). Os procedimentos foram via SUS nas áreas da urologia e da oncologia na 17ª Regional de Saúde. As duas cirurgias, realizadas em junho, são inéditas no SUS do Paraná e os pacientes já estão em casa e se recuperam bem.

UROLOGIA – Na área da urologia foi feita a cirurgia de estenose, que corrige os estreitamentos de uretra. A técnica faz uma aplicação com mucosa da boca do próprio paciente na parte que fica atrás da uretra para corrigir o problema de estreitamento.

O urologista Marco Aurélio de Freitas fala que o objetivo é fazer com que o paciente volte a urinar normalmente. “As vantagens desse procedimento são de não fazer nenhum corte na região peniana. Isso ajuda a corrigir o problema e preserva a circulação da uretra. É uma técnica indiana que depois de muito estudo e pesquisa tivemos a certeza de que poderia ser realizada aqui no HU”, diz o médico.

ONCOLOGIA – O outro procedimento foi feito para retirar tumores malignos da membrana que envolve os órgãos do abdômen. O oncologista Mario Liberati, responsável pela cirurgia, explica como funciona o procedimento. “Assim que acontece a remoção do tumor é colocado um dreno para fazer a quimioterapia. É uma cirurgia trabalhosa, que envolve uma equipe grande e eficiente”, diz.

O residente Eilson Barbosa, que participou do procedimento, comenta sobre a importância do preparo do hospital e do corpo cirúrgico “A cirurgia exigiu muito da equipe, incluindo até mesmo profissionais de farmácia. Foi maravilhoso ter a possibilidade de participar de um procedimento desses, que é um dos primeiros do país”, afirma Eilson.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios