Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Secretaria Municipal de Saúde irá executar a quarta etapa de vacinação contra a dengue, voltada apenas para as pessoas que precisam fazer a terceira dose da vacina. A campanha será realizada de 20 de março a 28 de abril e em Londrina a meta é imunizar 25 mil jovens, com idade entre 15 e 27 anos, público-alvo da vacinação.

O secretário municipal da pasta, Felippe Machado, destacou que a vacinação é uma ferramenta importante no combate à dengue. Para ele, a imunização dos jovens no ano passado, contribuiu com a baixa circulação do vírus da dengue em 2017, já que pouco mais de 40 casos foram confirmados durante o ano. “Trata-se de uma ação preventiva assertiva, por isso vamos nos esforçar para conseguir imunizar estes jovens. Nosso desafio é conscientizar o público-alvo, pois esta faixa etária não tem o costume de buscar assistências à saúde”, frisou.

A vacina tetravalente contra a dengue, que protege contra quatro subtipos virais da doença, estará disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Londrina - zona urbana e rural - de segunda a sexta-feira, das 7 às 19 horas. Para ser imunizado, basta o cidadão apresentar documento de identidade, que é obrigatório, e a carteira de vacinação. Para confirmar o recebimento das primeiras doses da vacina de dengue, a população pode ligar para o Disk Dengue, pelo telefone 0800-400-1893. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8 às 14 horas.

A coordenadora de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Sônia Fernandes, informou que neste momento a equipe está fazendo um levantamento para verificar onde estão os 25 mil jovens que devem receber as doses, para então definir as estratégias de imunização. “Provavelmente, como nas etapas anteriores, iremos em universidades, escolas e instituições, por serem locais que concentram um número grande de jovens nessa faixa etária”, contou.

No dia 24 de março está programado um “Dia D de Vacinação”, quando as UBSs do Município estarão abertas durante todo o dia, das 8 às 17 horas, para aplicação da vacina. As unidades também deverão ofertar o exame preventivo ao câncer de colo de útero e exame clínico de mamas.

Sobre a vacina - As doses da vacina contra a dengue são fornecidas pela Secretaria de Estado da Saúde (SESA). A vacina foi produzida por uma empresa francesa e aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), após 20 anos de pesquisas, e protege contra quatro subtipos virais da doença.

A imunização é completa após a aplicação de três doses, com intervalo de seis meses entre elas, e não podem ser aplicadas em conjunto com vacinas para outras doenças. Ela não pode ser aplicada em gestantes; mulheres que amamentam; pessoas com baixa imunidade congênita ou adquirida; e pessoas em tratamento com corticóides em dosagens elevadas e prolongadas.

Números da dengue - A Secretaria Municipal de Saúde divulgou, nesta quarta-feira (21), o relatório semanal com os dados sobre a dengue em Londrina. Do início do ano até o momento, foram registradas 625 notificações. Deste total, quatro casos foram confirmados, 110 descartados e outros 511 estão em andamento, aguardando o resultado de exames laboratoriais.

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios