Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Em transmissão digital,  feita na noite de ontem, sábado(29), o prefeito Marcelo Belinati  também informou que 8.350 idosos foram vacinados contra a gripe, no sistema drive thru

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, atualizou os números dos pacientes infectados com coronavírus em Londrina. De sexta-feira  para sábado, aumentaram três casos, passando de seis para nove. As informações foram divulgadas em uma transmissão digital ao vivo, pelo facebook da Prefeitura de Londrina, aberta a toda população, na noite de ontem sábado (28).

Dos nove infectados com a doença, seis estão em tratamento domiciliar e três estão internados em hospitais da cidade.  Os novos casos, são de três homens com idades de 69, 42 e 33 anos. O prefeito informou que 55 casos já foram descartados.

Segundo Marcelo, continuam 54 pacientes internados com suspeita de infecção por coronavírus. Destes, 46 são adultos, dos quais 13 estão em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Outros oito pacientes são crianças, sendo que, destas, duas também estão em UTI.

Todos os pacientes internados, citados pelo prefeito, apresentam sintomas de doença respiratória viral semelhantes ao coronavírus, porém não estão confirmados porque falta o resultado dos exames laboratoriais que foram encaminhados ao Laboratório Central, em Curitiba.

Vacinação

O prefeito, que esteve acompanhado na transmissão do secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, informou também números da campanha de vacinação contra a gripe para idosos.  Segundo eles, no drive thru, que aconteceu ontem no estacionamento da Igreja Presbiteriana Central, foram vacinados 8.350 idosos. “Agradecemos aos pastores e toda a igreja Presbiteriana pela parceria na vacinação”, comentou o prefeito.

Ainda ontem, foram vacinados em Londrina mais de 20 mil idosos nas unidades básicas de saúde. Além destes, durante a semana, a Secretaria Municipal de Saúde, vacinou 11 mil idosos, acima de 80 anos, na própria residência.  Os profissionais da saúde foram parabenizados pelo prefeito e também pelo secretário de Saúde pela campanha de vacinação que alcançou, durante a semana, quase 40 mil idosos.

O prefeito reafirmou a prioridade do governo em Londrina que é de preservar a vida e a saúde de todos os londrinenses. “Nosso bem maior é a saúde, a vida, porque sem ela, nada tem sentido. Aqui em Londrina, optamos pela vida das pessoas e, por mais doloridas que sejam, vamos aplicar as medidas que protejam a vida do cidadão londrinense. Depois, iremos trabalhar em conjunto e encontrar uma solução, um caminho que nos permita, com segurança, orientado por especialistas e pela ciência, voltar, gradativamente, com as atividades do dia a dia”, esclareceu.

Contratações

Marcelo ainda falou da contratação de 497 profissionais para atuarem na área de saúde, como  medida emergencial de enfrentamento ao coronavírus. Na sexta-feira (27), foram abertas as inscrições para a Chamada Pública nº 001/2020, por meio da qual serão contratados, temporariamente, médicos plantonistas (clínico geral e pediatra) e auxiliares de enfermagem.

O público pode acessar o conteúdo completo do edital no sistema online da Saúde, pelo endereço https://www.londrina.pr.gov.br/chamada-publica .  Neste espaço também está disponível o formulário de inscrição. O prazo encerra às 12h do dia 30 de março. Todo o processo de inscrição e acompanhamento irá ocorrer exclusivamente pela internet, devido às recomendações atuais das autoridades médicas para que sejam evitadas aglomerações.

Para obter informações sobre sintomas do coronavírus, ou onde obter assistência em saúde, o Município disponibiliza o Disque-Coronavírus, no 0800-400-1234. E pessoas interessadas em atuar como voluntários podem se informar na página da campanha, no Portal da Prefeitura, ou pelo telefone 0800-4000-140, disponibilizado pela Contact Center.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios