Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Professores e estudantes do curso de Farmácia do Centro de Ciências da Saúde (CCS) da Universidade Estadual de Londrina (UEL) estão transformando álcool etílico hidratado a 92,8% em álcool 70%, para uso nas diferentes unidades do Hospital Universitário (HU/UEL). A produção vai reforçar o enfrentamento do novo coronavírus.

“Hoje, produzimos 200 litros de álcool 70% que foram repassados ao Hospital Universitário. Vamos repetir esse processo para todos os serviços da universidade que precisarem”, explica o professor Edmarlon Girotto, do Departamento de Ciências Farmacêuticas do CCS. Ele também dirige o Laboratório de Medicamentos e a Farmácia Escola.

Cada litro de álcool 92,8% gera aproximadamente 1,25 litro de álcool 70%, que tem efeito desinfetante e antisséptico. De acordo com o professor, a capacidade da equipe da Farmácia Escola é de processar cerca de 300 litros de álcool diariamente, a partir dos insumos que a universidade tem disponível. Ele lembra que o álcool precisa estar acondicionado em recipientes e local adequados.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.