Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Secretaria de Estado da Saúde antecipou a liberação dos recursos destinados ao custeio do terceiro trimestre deste ano dos hospitais universitários de Cascavel, Londrina, Maringá e Ponta Grossa, no valor de R$ 17,5 milhões.

A medida foi tomada para fazer frente às dificuldades reportadas pelos diretores dos hospitais universitários. Com isso, a liberação do orçamento está feita até o final do mês de setembro.

A Secretaria participa do financiamento dos hospitais universitários de forma muito efetiva. Mas praticamente 90% dos recursos são destinados à folha de pagamento das instituições. O restante deve ser usado de acordo com o planejamento próprio de cada um dos hospitais para custeio.

Além disso, a Secretaria da Saúde remunera os hospitais pela produção e atendimentos feitos, dentro de um montante previamente acordado, como acontece com todos os outros hospitais do Paraná que mantêm parceria com o Estado. Já os recursos para obras e equipamentos são liberados por meio de convênios celebrados especificamente para cada finalidade.

No caso do Hospital Universitário da Unioeste, de Cascavel, o orçamento total para 2019, a cargo da Secretaria, é de R$ 151 milhões. Deste total, R$ 17 milhões (11,4%) se destina ao custeio. O restante vai para o pagamento integral da folha do hospital.

Para os outros hospitais universitários o critério é o mesmo. O maior orçamento é do HU da Universidade Estadual de Londrina (UEL), que soma R$ 276 milhões. Neste caso, o custeio fica com a parcela de R$ 13,2 milhões. Para a UEM, de Maringá, o orçamento destinado é de R$ 131 milhões, sendo R$ 9 milhões para o custeio.

Apenas o HU da Universidade Estadual de Ponta Grossa tem um acordo diferente com a Secretaria da Saúde. Praticamente a totalidade dos R$ 36,5 milhões, previstos para este ano, é destinada ao custeio.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios