Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Campanha começou em fevereiro, segue até 30 de julho e tem como foco a imunização do público de 20 a 49 anos. Paraná tem 1.081 casos confirmados, desde agosto de 2019.

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou um novo informe epidemiológico do sarampo na quinta-feira (7). São 3.415 casos notificados de sarampo desde o início do surto no Paraná, em agosto de 2019. No informe constam ainda 1.081 confirmados, 1.750 em investigação e 584 descartados.

O número aumentou em 30 casos no comparativo da semana passada, mas não são novos. São de amostras coletadas em períodos anteriores e que estavam em processamento no Laboratório Central do Paraná.

Na última semana também não houve notificação de novos casos de sarampo no Paraná. Mas mesmo com a redução da transmissão, a Secretaria da Saúde recomenda a vacinação.

“Precisamos de muitos vacinados, preferencialmente de todos os jovens que foram o público mais contaminado. A vacinação está ocorrendo de forma organizada para que possamos eliminar o sarampo novamente no nosso Estado”, reforça o secretário da Saúde, Beto Preto.

Campanha

A campanha nacional de vacinação, que começou em fevereiro e segue até 30 de julho tem como foco a imunização do público de 20 a 49 anos. A vacinação para esta faixa é indiscriminada e, para evitar aglomerações nos postos de saúde, a Secretaria da Saúde recomenda e apoia as secretarias municipais em atividades de  imunização em locais mais amplos, como empresas e escolas.

Parcerias

A Secretaria Estadual, inclusive tem participado de várias estratégias de vacinação. Neste fim de semana, no sábado, dia 9, uma parceria da 6ª Regional de Saúde de União da Vitória e prefeitura de Porto Vitória, realizará a vacinação contra o sarampo em motoristas e caminhoneiros na faixa etária da campanha, de 20 a 49 anos. A atividade será no posto da Polícia Rodoviária.

Na terça-feira, dia 12, mais duas atividades estão marcadas: em São José dos Pinhais, com apoio da 2ª Regional de Saúde, Secretaria Municipal e postos Shell, acontecerá a vacinação de motoristas e caminhoneiros.

E em Guarapuava, a vacinação será para a população na faixa etária priorizada, em um ponto central da cidade, das 10h às 15h, com apoio da 5ª Regional de Saúde, Secretaria Municipal e Conselho Regional de Enfermagem.

Na quarta-feira, dia 13, mais uma parceria entre Serviço Social do Transporte, Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte, 2ª Regional de Saúde e Secretaria Municipal de Curitiba, vai oferecer a vacina para motoristas da região Metropolitana. Será na sede do Sest/Senat, em Curitiba.

Confira   AQUI  o informe epidemiológico do sarampo do dia 07 de maio.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.