Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Para estimular os pais e responsáveis pelas crianças de 1 a 5 anos de idade, neste sábado (18), das 9h às 17h, será realizado o “Dia D” de vacinação em todas as UBS da zona urbana

Ontem (13), a Secretaria Municipal de Saúde divulgou o balanço parcial da vacinação contra o Sarampo e a Poliomielite. De acordo com os dados oficiais, até o momento foram aplicadas 1.429 doses da vacina contra o sarampo e 1.480 contra Poliomielite, o que corresponde a 5,46% da meta para o primeiro caso e 5,66% para o segundo.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, pelo retorno dos profissionais que estão nos atendimentos realizados nas Unidades Básicas de Saúde e pelos números oficiais a procura pela imunização está sendo baixa em Londrina. “A procura ainda é baixa, o que é bastante assustador e preocupante, porque estamos vivendo um período de reinserção de doenças no Brasil, por conta da baixa cobertura vacinal. Estamos conclamando os pais e responsáveis para que eles procurem a Unidade Básica de Saúde e as crianças sejam imunizadas. Não tem maneira mais segura e eficaz, senão pela vacina” destacou.

Mesmo que na cidade e no Estado do Paraná não tenha sido constatado nenhum caso positivo de sarampo, o perigo da baixa procura pela vacinação está no fato de que as doenças que antes estavam erradicadas, agora começam a reaparecer. “No Paraná, não temos ainda nenhum caso da doença confirmado, mas se não conseguirmos atingir a cobertura vacinal de, no mínimo, 95%, será questão de tempo para o sarampo estar reinserido na nossa cidade”, finalizou o secretário de saúde.

Para chamar a atenção dos pais e responsáveis pelas crianças com idade entre 12 meses a menores de 5 anos, a Secretaria Municipal de Saúde realizará neste sábado (18), das 9h às 17h, o “Dia D” de vacinação. Todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) da zona urbana estarão abertas para receber o público-alvo da campanha nacional. A intenção é que os pais que não têm tempo durante a semana, possam levar seus filhos no sábado para a vacinação.

A meta em Londrina é imunizar cerca de 25 mil crianças até o dia 31 de agosto, quando se encerra a campanha.  Além do “Dia D”, os profissionais de saúde estão realizando a vacinação nas Escolas Municipais e nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) de Londrina. A dose concedida durante a campanha é tríplice viral, que engloba a prevenção do sarampo, caxumba e rubéola. Além dela, as crianças estão recebendo um reforço contra a paralisia infantil.

Ana Paula Hedler/NC/PML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios