Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Teve início na quinta-feira (16) a segunda fase da campanha nacional de vacinação contra a gripe. Dessa vez, precisam ser vacinadas as pessoas que têm doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; profissionais das forças de segurança e salvamento; funcionários do sistema prisional; população privada de liberdade; caminhoneiros, motoristas do transporte coletivo e portuários, além de povos indígenas.

A atual etapa seguirá até 09 de maio. Em seguida, irá começar a terceira fase. Ela, por sua vez, será voltada para crianças de 06 meses a menos de 05 anos de idade; gestantes e puérperas; pessoas com deficiência; adultos de 55 a 59 anos de idade e professores da rede pública e privada.

Em Tamarana, as doses são ofertadas nas Unidades de Atenção Primária à Saúde (UAPS) do Centro (Plínio Pereira de Araújo) e do Jardim Juny (Padre Carmel Bezzina), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A vacina também está disponível nos quatro postos da zona rural, nos dias em que já há atendimento à população.

Como forma de prevenção à Covid-19, prossegue a recomendação aos moradores para não entrar nas unidades de saúde se houver aglomeração de pessoas no momento.

As UAPS da área urbana, inclusive, podem informar por telefone como está o fluxo de usuários, sem que o munícipe precise sair de casa. A Plínio Pereira de Araújo atende no 3398-1983. Já o telefone da Padre Carmel Bezzina é o 3398-1987. Ambas estarão abertas em horário regular nesta segunda-feira (20), véspera do feriado de Tiradentes.

Vale lembrar que a vacina não protege contra o novo coronavírus, mas previne de outros tipos de vírus da gripe. Para a imunização ser realizada, o usuário deve estar com a carteira de vacinação e o cartão do SUS.

NCPMT

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios