Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Unidade de Atenção Primária à Saúde (UAPS) Plínio Pereira de Araújo, da região central de Tamarana, começou ontem (11) a campanha do Julho Amarelo. O objetivo é combater e prevenir as hepatites virais. As doenças, conforme o Ministério da Saúde, são silenciosas. Ou seja, nem sempre apresentam sintomas.

O Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais é em 28 de julho. Por isso, nas quintas-feiras deste mês, profissionais da unidade irão realizar testes rápidos na população (sem a necessidade de agendamento) para verificar possíveis casos das doenças. A equipe também irá checar se os usuários estão em dia com a vacina contra a hepatite B (que deve ser aplicada em três doses). O atendimento é das 8h às 17h.

Ainda segundo o Ministério da Saúde, quando há sintomas, as hepatites virais podem se manifestar através de cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras. No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C.

NCPMT

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios