Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Organizada pelo Instituto de Responsabilidade Social, iniciativa irá disponibilizar currículo dos participantes para prestadores e médicos da operadora

Mais de 20 alunos irão concluir o curso de Formação de Atendentes na Área da Saúde. Organizado pelo Instituto de Responsabilidade Social da Unimed Londrina, o curso foi destinado a pessoas da comunidade indicadas pelos funcionários da operadora de plano de saúde ou encaminhadas pelo Cras (Centro de Referência de Assistência Social). Na próxima quinta-feira, dia 21, às 19h, na sede administrativa (Av. Ayrton Senna, 1065), será realizada a formatura dos participantes com a presença dos familiares.

A gerente de Sustentabilidade da Unimed Londrina, Fabianne Piojetti, explica que este projeto está na sua segunda turma. “Ano passado fizemos um piloto com 15 pessoas e vimos que existem possibilidades de emprego além dos consultórios médicos. Então, neste ano focamos em laboratórios, clínicas e hospitais”, afirma a gerente. Outra alteração feita pela equipe organizadora foi a exigência do segundo grau completo dos candidatos, que até então não era pré-requisito.

Fabianne conta que para ministrar as aulas do curso, a equipe contou com a ajuda voluntária de funcionários e de parceiros que cobraram preços especiais. “Desta forma a gente contribui para a comunidade: com o curso oferecemos pessoas qualificadas para os nossos prestadores, que irão prestar serviços para gente. Assim, todos ganham”, avalia. Temas como imagem pessoal, competência profissional em atendimento na área da saúde, informática e sistema Unimed fizeram parte da grade do curso.

O gerente de Relacionamento com Cooperado e Rede, André Costa, conta que após o término do curso, os currículos dos participantes estarão disponíveis em uma área restrita ao prestador, no site da Unimed Londrina. “Essa é uma forma de ajudar os médicos a contratarem pessoas que já tenham boa noção dos procedimentos da Cooperativa, além de uma série de outros conhecimentos adquiridos no curso”, complementa.

Há seis meses desempregada, Joziele Rezende resolveu se inscrever na turma piloto do ano passado. Após algumas semanas do término da capacitação, a participante conseguiu uma vaga de emprego em um laboratório de Londrina da qual ocupa até hoje. “O curso abriu portas para outras áreas. Eu já tinha uma certa experiência, mas com o curso eu pude atualizar meu currículo”, afirma Joziele.

Semanas antes de encerrar a segunda turma, a gerente Fabianne Piojetti conta que um hospital da rede credenciada já entrou em contato com a equipe organizadora solicitando indicação. “Isso prova que o curso é lembrado pelos nossos prestadores”, comemora Fabianne.

Asimp/Unimed

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios