Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná

A secretaria estadual de Saúde (Sesa) suspendeu por 30 dias a realização de cirurgias eletivas no Paraná. “Devido ao aumento significativo do número de casos confirmados de Covid-19 no Estado e a elevada ocupação dos leitos de UTI e enfermaria, a norma teve que ser imposta”, destacou o vice-líder do Governo, o deputado estadual Cobra Repórter.

A Sesa divulgou, ontem (26), mais 2.346 casos confirmados e 64 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 266.639 casos e 5.989 mortes em decorrência da doença.

A determinação, publicada por meio da Resolução Sesa nº 1412/2020, tem validade a partir do dia 1º de dezembro de 2020. Segundo a Sesa, poderá ser estendida ou reduzida de acordo com a situação epidemiológica e a taxa de ocupação de leitos de UTI e enfermaria no Estado.

A nova Resolução não se aplica aos procedimentos de cardiologia, oncologia e nefrologia. Também não suspende os exames considerados necessários, em caráter de urgência, pelo médico prescritor, procedimentos realizados em âmbito ambulatorial e outros procedimentos considerados de urgência ou emergência.

Meire Bicudo e Veruska Barison/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios