Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Departamento Penitenciário do Paraná (Depen) iniciou quinta-feira (15) o plano de esvaziamento da carceragem do 5º Distrito Policial (DP) de Londrina, no norte do Estado.

Sessenta presos foram transferidos para a Penitenciária Estadual de Londrina II (PEL II). Nos próximos dias, outros 60 deixarão o 5º DP para ingressar na penitenciária.

No mês passado, a carceragem do 4º DP de Londrina foi esvaziada. Contando as duas delegacias, 158 detentos serão retirados, zerando assim o número de presos das carceragens. “A remoção dos presos faz parte da ação do Depen dentro da megaoperação Impacto. Estamos somando esforços, junto ao Poder Judiciário, para retirar os presos e possibilitar o pleno trabalho dos investigadores de polícia”, disse o secretário estadual da Segurança Pública e Administração Penitenciária, Wagner Mesquita. “Com a conclusão das 14 obras de ampliação e construção de unidades prisionais em todo o Paraná, a nossa intenção é tirar os presos e esvaziar todas as delegacias”, afirmou. 

O diretor do Depen, Luiz Alberto Cartaxo Moura, ressaltou a parceria com a Vara de Execução Penal (VEP) de Londrina. “É um trabalho conjunto que permite o início da retirada dos presos”, ressaltou.

Os presos estão sendo acomodados nas celas da ala já reformada da PEL II. “A unidade está preparada para receber estes presos que agora poderão cumprir a pena na penitenciária”, disse o diretor da PEL II, Reginaldo Peixoto.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios