Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Começa, neste sábado (19), a 15ª Semana Municipal da Paz, promovida pelo Conselho Municipal da Cultura de Paz (Compaz) e pela organização não-governamental (ONG) Londrina Pazeando. Diversas atividades estão agendadas em toda cidade até o dia 30 de setembro, com o tema “A importância do diálogo na construção da Paz”. A programação completa está disponível no site http://www.londrinapazeando.org.br. A Prefeitura de Londrina é uma das apoiadoras do evento.

Dentre as ações mais aguardadas na Semana pela Paz, está o 7º Abraço no Lago, que vai ocorrer no domingo (20), às 9 horas, no Lago Igapó 2. Em 2014 participaram cerca de três mil pessoas e, neste ano, os organizadores esperam um público ainda maior. No mesmo dia acontece a I Caminhada pela Paz das Religiões, e o trajeto começa às 9 horas, em frente ao colégio estadual Vicente Rijo, e encerra no lago Igapó 2 para que os participantes estejam no momento do abraço.

O coordenador da ONG Londrina Pazeando e diretor do Compaz, Luis Claudio Galhardi, explicou que é a primeira vez que diversas religiões, cristãs e não cristãs, participam em conjunto de um evento na cidade. “Mapeamos 20 religiões em Londrina e contamos com a maioria delas participando da caminhada, que é uma das formas de se trabalhar o diálogo inter-religioso e promover a cultura da paz em nossa cidade.”

Logo após o Abraço no Lago, será feito o plantio de 240 mudas de orquídeas nativas do Paraná, sob supervisão do departamento de Agronomia da Universidade Estadual de Londrina (UEL), em parceria com o Rotary Clube de Londrina.

Na segunda-feira (21), às 14 horas, será realizada no saguão da Prefeitura de Londrina, a cerimônia oficial de entrega da 13ª edição do livro Londrina Pazeando 2015, que é uma coletânea de textos, desenhos e relatos sobre a paz. Os trabalhos estão expostos, até o dia 30, na Mostra Compaz do Movimento Pela Paz e Não-Violência, na Biblioteca Infantil, na avenida Rio de Janeiro, 413. Os trabalhos foram produzidos por alunos, pais e professores de escolas municipais, estaduais e particulares de Londrina. Haverá uma noite de autógrafos na quarta-feira (23), às 19 horas, na Livraria Curitiba do shopping Catuaí.

Cultura da Paz – O Manifesto 2000 pela Cultura da Paz e Não Violência foi criado em assembleia da Organização das Nações Unidas (ONU) por um grupo de ganhadores do prêmio Nobel da Paz. Seus artigos buscam incentivar a prática de valores e atitudes que promovem a paz, como: respeitar a vida, rejeitar a violência, ser generoso, ouvir para compreender, preservar o planeta e redescobrir a solidariedade.

Em Londrina, o trabalho do Compaz teve início em 2007, e conta atualmente com representantes de 24 instituições que pretendem, dentre outras necessidades, promover e implementar o processo de cultura e educação para a paz no município. O conselheiro Luis Cláudio Galhardi cita que a participação de diversas entidades neste trabalho é primordial. “Não é possível promover a mudança da sociedade sem a participação de seus protagonistas. E a paz imposta por meio da força não prospera. Para alcançá-la, temos que praticar continuamente a solidariedade, o diálogo, o respeito à vida e a igualdade de direitos”, afirmou.

N.Com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios