Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Segurança 25/05/2017  09h20

Município divulga Plano Estratégico de Monitoramento por Câmeras

Associações de moradores, comerciais e entidades privadas poderão firmar convênios para doação de câmeras de vigilância para a Guarda Municipal

Para melhorar a segurança do Município, a Prefeitura de Londrina divulgou o Plano Estratégico de Monitoramento por Câmeras. 

Segundo o secretário Municipal de Defesa Social, Evaristo Kuceki, o plano serve de chamamento público para as associações de moradores, associações comerciais e entidades de iniciativa privada que queiram ajudar a melhorar a segurança pública da cidade. Essas instituições poderão firmar convênios com o Município, permitindo a doação, instalação e a manutenção de câmeras de videomonitoramento.

Para participar, os interessados devem procurar a sede da Secretaria Municipal de Defesa Social, onde os guardas municipais farão a orientação procedimental. Para isso, é preciso agendar um horário de atendimento pelo (43) 3372-4650, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Também é possível ir pessoalmente até a Rua Professor Joaquim de Matos Barreto, 333.

Os pontos estratégicos onde as câmeras deverão ser instaladas estão disponíveis no Jornal Oficial do Município. Eles foram escolhidos por serem áreas prioritárias e pontos que possam prevenir qualquer tipo de delito, como a incidência de furtos, depredações, arrombamentos e por darem suporte aos órgãos de segurança.

“Esperamos que o Município consiga obter 142 câmeras. Todas elas estão em locais estratégicos, que auxiliarão a Guarda Municipal através do videomonitoramento feito pelo GCOM e a Polícia Militar que poderá receber as imagens. Além disso, a parceria para a doação dos equipamentos traz economia financeira ao Município”, explicou o secretário de Defesa Social.

Atualmente, a cidade conta com 304 câmeras instaladas, destas 278 foram compradas pelo Município e as outras 30 pelo Consórcio Intermunicipal de Segurança Pública e Cidadania de Londrina e Região (Cismel). As imagens filmadas por elas e aquelas que ainda serão instaladas são transmitidas para a Central de Monitoramento do Grupo de Comunicação e Monitoramento (GCOM) 24 horas, da Secretaria Municipal de Defesa Social.

A intenção do plano é que, com as doações, o Município consiga, além de expandir o sistema de monitoramento por câmeras, integrar os sistemas de monitoramento público e privado; integrar os sistemas de vigilância humana e de monitoramento por câmeras; otimizar a distribuição dos equipamentos priorizando os pontos estratégicos; possibilitar a fiscalização contra o despejo clandestino e depósito de resíduos, identificando os meios transporte e os operadores; auxiliar na organização do trânsito da cidade e identificar os veículos e infratores.

O Plano foi desenvolvido em conjunto com a Procuradoria-Geral do Município e a Secretaria de Defesa Social. Ele é um anexo do Plano de Segurança Municipal, que está sendo elaborado pela Prefeitura em conjunto com diversas forças de segurança como a Polícias Civil, Militar, Federal, Rodoviária Federal e outras instituições.

N.com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios