Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Avaliada em mais de R$ 3,3 milhões, a carga ilícita foi interceptada na BR-158, em Coronel Vivida

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu cerca de 675 mil maços de cigarro contrabandeados do Paraguai nesta quinta-feira (29) em Coronel Vivida, na região sudoeste do Paraná. Avaliada em mais de R$ 3,3 milhões, a carga ilícita era transportada por uma carreta bitrem, abordada por uma equipe da PRF na BR-158.

Os policiais rodoviários federais desconfiaram inicialmente dos documentos apresentados pelo motorista, de 24 anos de idade. A nota fiscal apresentada por ele apontava o transporte de milho. Ao fiscalizar os dois semirreboques, a equipe da PRF localizou apenas a carga de contrabando.Tanto o caminhão-trator quanto os semirreboques portavam placas clonadas. As placas originais dos dois últimos têm inclusive restrição judicial de circulação.Aos policiais, o homem preso declarou que trazia a carga de cigarro de Dourados (MS), e que tinha como destino Vacaria (RS).

A pena prevista para o crime de contrabando é de dois a cinco anos de reclusão.A conduta do motorista foi enquadrada ainda nos crimes de uso de documento falso, adulteração de sinais identificadores de veículo e uso de aparelho radiocomunicador sem autorização da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Federal em Guarapuava.
 

Veja o vídeo de apreensão da carga

Nucom/PRF

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios