Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Os ganhadores dos prêmios da campanha União Solidária, na Regional Norte da Sicredi União PR/SP, receberão seus prêmios numa grande solenidade marcada para esta sexta-feira, dia 10 de janeiro, no Buffet Laguna, localizado em Cambé. A entrega começará às 14h30.

Nos 13 municípios atendidos pela Regional Norte da cooperativa de crédito, participaram 146 entidades, que juntas venderam 109.336 cupons e arrecadaram R$ 1.093.660,00, impactando milhares de pessoas atendidas por elas. O maior número de projetos foi apresentado por entidades sociais (39), seguido de projetos educacionais (20). Os demais foram das áreas esportivas, pets, saúde, meio ambiente, cultura etc.

A campanha, realizada pela Sicredi União e pela Cocamar, consistiu na distribuição de cupons às entidades cadastradas e que tiveram seus projetos aprovados. Coube às entidades vender os cupons, a R$ 10,00 cada, e elas tiveram como renda a totalidade do valor comercializado, sem qualquer custo.  Os prêmios – um carro e três motos – foram doados pela Sicredi União PR/SP e Cocamar e a companha foi administrada, na região, pelo Lions Aliança Cambé.

Entre as quatro regionais da Sicredi União PR/SP – Norte e Noroeste do Paraná, Leste e Centro-Leste Paulista – a Norte, que está presente fisicamente em 13 municípios, foi a que mais arrecadou recursos para entidades. E nas  quatro regionais, o total arrecadado foi de R$ 3.456.800,00. “Sozinha, nossa cooperativa não conseguiria destinar tantos recursos para essa grande quantidade de entidades e projetos apresentados – ao todo foram 501 projetos atendidos”, comentou Carla Sonoda, gerente de Desenvolvimento Regional Norte. Ela esclarece que esse modelo de campanha, realizado de forma inédita pela Sicredi União em suas regionais, envolve o trabalho e comprometimento das entidades participantes, tendo o apoio importante de todas as agências da cooperativa. “Mais uma vez, mostramos que fazendo juntos podemos ir mais longe”, conclui a gerente.

Associação Bicho do Paraná comemora venda de bilhete premiado

Na Regional Norte, o maior prêmio – o carro – saiu para um cupom vendido da Associação Bicho do Paraná, que atende a cerca de 90 famílias carentes de crianças e adultos com paralisia cerebral, doenças infectocontagiosas e alérgicas a derivados de soja, leite, ovo, etc. “Foi uma alegria enorme saber que o ganhador comprou um cupom nosso”, celebrou a presidente da entidade, Irani de Oliveira Trindade. Motivos para comemorar não faltam. Irani conta que a venda dos cupons foi feita por telefone, num esforço grande para que as pessoas entendessem e confiassem na entidade. “Muitas pessoas desligam o telefone, acham que a gente está incomodando, e a pessoa que ganhou o carro nos ouviu e confiou na gente. Por isso da nossa enorme alegria”, disse Irani.

Outro grande motivo para a comemoração é que a Associação, criada há 16 anos e que sempre se manteve com muita dificuldade, conseguiu chegar ao final de 2019 com as contas em dia e com suplementos e cestas básicas no estoque. O projeto apresentado e aprovado pela Bichos do Paraná era para pagamento de contas atrasadas e compra de suplementos e alimentos para as famílias. Irani relata que tem crianças que só podem se alimentar com determinado tipo de suplemento que pode chegar a R$ 1 mil a lata. E o consumo é bem maior que uma lata por mês. “Conseguimos arrecadar R$ 26 mil. Quitamos muitas contas atrasadas e estamos muito felizes. A campanha União Solidária representou, para nós, uma ótima ajuda e, graças a Deus estamos com tudo em dia”, comemorou.

Outro prêmio – uma das motos – saiu para a cidade de Centenário do Sul. O cupom foi vendido pela Apae da cidade, que atende a 80 pessoas de zero a 60 anos. A entidade cadastrou projeto para compra de equipamentos de informática (computadores, tablets e impressoras) para auxiliar na alfabetização e introduzir os alunos no mundo digital.

Segundo Elizângela Maria do Nascimento, assistente administrativa da Apae, a entidade conseguiu atingir 50% do objetivo traçado e comemorou duplamente. “Se não fosse pela campanha acredito que não conseguiríamos comprar os equipamentos tão cedo. E agora, com um cupom nosso premiado, ano que vem, se tivermos projeto na campanha novamente, venderemos todos os cupons”, comemorou. Ela destacou que o impacto da campanha para a entidade foi muito boa.

Sem ganhadores, mas vitoriosos

Mesmo não tendo cupom premiado, as entidades que se cadastraram terminaram a campanha contabilizando vitórias. Para a coordenadora da pastoral da Ação Social da Paróquia São Vicente de Paulo, de Londrina, Cilene Santaella Kaster, o resultado da campanha União Solidária foi uma grata surpresa. “Conseguimos completar o valor de R$ 30 mil que precisávamos para finalizar o projeto”, comemorou ela.

O objetivo traçado pela Pastoral era construir uma casa para uma senhora carente que vivia num barraco no bairro União da Vitória, na zona sul de Londrina. “Ela é sozinha e depois de levantarmos toda a história dela vimos que realmente era uma pessoa que necessitava de nossa ajuda e fizemos esse trabalho em parceria com a Cohab-Ld”, informou Cilene. Segundo ela, a campanha desenvolvida pela Sicredi União PR/SP em parceria com a Cocamar foi primordial para atingirem o valor necessário. “As pessoas aderiram à campanha por se sensibilizarem com a situação dessa senhora e também porque o valor da contribuição – de R$ 10,00 – foi acessível para todos”, analisou.

Marcelo Molina, tesoureiro da Paróquia Nossa Senhora da Luz, localizada no Jardim do Sol, também em  Londrina, concluiu a campanha muito satisfeito e com recursos para dar prosseguimento a dois projetos: a reforma da casa paroquial e o calçamento do piso do estacionamento. “Os dois somavam R$ 27 mil. Conseguiramos, praticamente, a totalidade do valor”, relata. Segundo ele, se não fosse a realização da campanha União Solidária, a conclusão dos projetos demandaria bastante tempo. “Não foi difícil de vender por se tratar de uma quantia pequena para cada um desembolsar e o prazo de 90 dias também foi suficiente para as vendas. Agradecemos muito a confiança que foi depositada em nossos projetos”, observa.

Benê Bianchi/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios