Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A bailarina do Faustão Natacha Horana postou em suas redes sociais mensagem de apoio à causa LGBT

A 23ª edição da Parada do Orgulho LGBT, realizada em São Paulo há uma semana, levou milhões de pessoas à Avenida Paulista e teve como tema central a intolerância, a homofobia e a repressão sofrida por homossexuais.

A bailarina do Faustão Natacha Horana postou em suas redes sociais mensagem de apoio à causa LGBT, defendendo a liberdade de amar e de toda forma de amor, independente do gênero. A loira postou foto tirada em Manhattan, no Estados Unidos, usando uma roupa colorida, com as cores do movimento LGBT e escreveu: "Bem-vindo toda forma de AMAR. Todos temos direito e liberdade de Amar e escolher ser amados por quem quisermos. #loveislove #pride #lgbt".

A bailarina e atriz se posiciona a favor da passeata do Orgulho LGBT: “O Orgulho LGBT é importante. Infelizmente a sociedade precisa ser lembrada de que somos todos iguais. Sou heterossexual e isso não me torna melhor do que ninguém por causa da minha orientação sexual. Homos e héteros tem os mesmos direitos de amarem e serem amados. Nós como sociedade precisamos entender que o amor não é algo exclusivamente para os heteros. Sou contra o preconceito e a favor do amor, sempre, de todas as formas”.

Este ano, a parada em SP teve como tema os 50 anos de Stonewall, que foi uma série de manifestações de membros da comunidade LGBT contra uma invasão da polícia de Nova York ao bar Stonewall Inn. A rebelião ocorreu nas primeiras horas da manhã de 28 de junho de 1969, sendo considerada uma revolta histórica importante para a luta por igualdade de direitos e contra o preconceito. É por causa da revolta de Stonewall que o orgulho LGBT é celebrado em junho.

Hebert Neri/MF Press Global

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios