Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Bruna Muniz sexy e com muito estilo.

Uma mineira apaixonada pela vida Mc ama marquinhas de biquíni e afirma que é esse um dos segredos do seu jeito sexy. Além da marquinha outra coisa muito perceptível na linda loira são as tatuagens em seu corpo, atualmente ela não sabe mais quantas ela tem mas que todas formam uma única o que desperta ainda mais a curiosidade do jeito sensual da loira. Malhando a 3 anos Bruna tem conquistado um corpo de dar inveja e afirma que ainda quer mais. Para quem tem curiosidade acima do imaginável a beldade irá presentear os fãs com um ensaio pra lá de sensual que será lançado por uma grande revista nacional em breve. Atualmente com muitos seguidores em suas redes sociais os seguidores podem acompanhar seu jeito despojado e divertido, além de saber um pouco mais da intimidade da musa. Inclusive quando perguntada que tipo de homem ela gosta, ela diz: “Porque tipo de homens ? Não pode ser tipo de pessoas? Afinal de contas gosto de pessoas interessantes, independente do sexo”. Assim afirmando ser Bi sexual, um mulherão assim vale a pena acompanhar os próximos passos de sua carreira que com toda certeza está só começando.

Modelo se posiciona contra agressão do goleiro Jean do São Paulo: Absurdo

Durante ensaio fotográfico especial de natal para uma grife de lingeries, a modelo Monara Queiroga, que será capa da revista sexy em maio, se posicionou contra a atitude do goleiro Jean, do São Paulo, que foi preso acusado de agressão pela mulher, Milena Bemfica. O casal passava férias na Flórida, nos Estados Unidos, quando a polícia americana foi acionada por funcionários do hotel onde estavam hospedados.

"Não podemos aceitar esse tipo de atitude, é um absurdo! A agressão à mulher é inaceitável e devemos usar casos como esse para alertar quem sofre esse tipo de abuso a buscar ajuda."

A modelo relatou ainda que também já sofreu com esse tipo de violência, não só física, mas também psicológica. "Alguns homens olham uma mulher bonita, sensual e acham que podem fazer o que quiserem, abusarem tanto física quanto psicologicamente. Não podemos deixar isso acontecer, nosso trabalho como modelo gera exposição, mas isso não dá direito aos homens de agirem como animais. É um trauma difícil de superar."

O jogador ficou um dia preso nos Estados Unidos, sendo solto em seguida para responder em liberdade. O São Paulo, time que o jogador atuou em 2019 já informou que não irá renovar o contrato com o atleta.

Lipe Aramuni/Agência Luxxus

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios