Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

"A hipertrofia muscular é algo bem complexo, pois envolve uma série de cascatas enzimáticas e hormonais no organismo. Para que ocorra o crescimento muscular, basicamente é necessário que os estímulos anabólicos – treinamento, hormonais, dieta, nutracêuticos, suplementação – superem os efeitos catabólicos, aqueles responsáveis pela degradação muscular."

Entendeu alguma coisa? Bem, essas foram as palavras da Diva Fitness Sue Lasmar. Mas explicando de uma forma mais simples. Sue quis fazer o duela de álcool x saúde. 

Em tempos de festa, carnaval chegando... Não é fácil separar os dois não é mesmo? E qual é a relação do álcool com todo esse processo? Será que atrapalha muito ou pouco? 

Para aqueles que adoram "chutar o balde" no fim de semana e tomar umas e outras, a resposta é SIM, atrapalha bastante. Sue explica:

"O álcool e seus metabólitos afetam o crescimento muscular de várias maneiras, bloqueando tanto as cascatas enzimáticas quanto os estímulos hormonais que levam à hipertrofia e emagrecimento também! A diminuição do GH e TESTOSTERONA devido ao consumo do álcool começa a ocorrer a partir de um consumo superior a 1,5g/kg de peso corporal. Isso corresponde para uma pessoa de 70kg a 5-6 copos de cerveja ou 160ml de vodka, por exemplo. Algo bem fácil de se atingir em uma noite. Finalizando então para tristeza de muitos, se não for de todos nós kkkkk, álcool é uma das substâncias que devemos consumir com mais cautela ou até mesmo retirar do nosso menu. Aquela CERVEJINHA de fim de semana vai SIM ter um efeito deletério nos seus ganhos sejam de massa ou perda de Peso!" Conclui a Diva que apresentou mais um ensaio daqueles para calientar nossa semana.

(MF Press Global)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios