Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O governador Carlos Massa Ratinho Junior esteve ontem (14) no local onde vai funcionar o Hard Rock Hotel Ilha do Sol, entre Sertaneja e Primeiro de Maio, no Norte do Paraná. Ele destacou que o empreendimento vai contribuir para impulsionar o turismo no Paraná. O investimento, segundo ele, prova que o Paraná acerta ao priorizar o turismo como plataforma de desenvolvimento regional. O hotel ocupará quatro dos 22 alqueires da ilha, que fica no meio do reservatório da Usina Capivara, no Rio Tibagi.

O turismo, enfatizou o governador, é a maneira mais rápida de gerar emprego. Ele destacou que o novo empreendimento vai criar 500 novas vagas diretas e 1.200 indiretas, a partir da inauguração, entre 2020 e 2021. “Alguns estudos mostram que para gerar emprego no turismo se investe US$ 1.000, enquanto na indústria o investimento precisa ser de US$ 4.000. Empreendimentos dessa magnitude geram centenas de outros empregos em outros segmentos, como esportes náuticos, pesca esportiva e novos condomínios”, completou.

O Paraná é o primeiro estado brasileiro a receber dois empreendimentos da rede Hard Rock, que também investe em unidades em Fortaleza, Natal, São Paulo capital e Caldas Novas (GO). Além da unidade na região Norte do Estado, haverá outra em Foz do Iguaçu.

Configuração

No encontro com empresários, investidores e lideranças locais, Ratinho Junior também afirmou que o empreendimento vai mudar toda a configuração da região. “Esse hotel mostra que o Paraná tem um potencial maravilhoso. É um voto de confiança de um grupo conhecido mundialmente”.

Para o secretário de Desenvolvimento Sustentável e Turismo, Márcio Nunes, o empreendimento congrega todo o potencial turístico da região e pode se tornar modelo de novos negócios no Paraná. “Queremos replicar o formato nos reservatórios das usinas hidrelétricas do Paraná. Aqueles em que há possibilidade de explorar o esporte, o ecoturismo”, afirmou.

Nunes disse que o intuito da administração estadual é apresentar o Paraná para o País e conectar todas as suas atividades, do Litoral a Foz do Iguaçu. “Vamos transformar o Paraná num Estado receptivo, pois hoje somos exportadores de turistas. Temos que integrar Foz ao Litoral, o Oeste ao Norte, os rios Paraná, Paranapanema, Tibagi, os parques da região central. O Paraná não é para ser visitado em apenas dois dias, um em Curitiba e um em Foz do Iguaçu”, completou.

Ecoturismo

O secretário explicou que essas diretrizes passam pelo turismo gastronômico, cultural, religioso, mas olha o ecoturismo como grande alavanca desse projeto. “Negócios como este, que exploram a natureza de forma responsável, são muito bem-vindos. Quem usa, cuida. Queremos provar que isso é possível, crescer, desenvolver, gerar emprego e renda e transformar o Paraná no Estado que mais cuida e mais recupera o meio ambiente.”

O prefeito de Sertaneja, Jamison Donizete, afirmou que o novo empreendimento vai mudar a história da região. Segundo ele, circulam pelas rodovias que contornam a cidade cerca de 450 mil pessoas por mês. “O hotel terá um impacto gigantesco, ainda mais num momento de recessão econômica”.

Escolha

O Grupo VCI, responsável pela entrada do Hard Rock Hotel no Brasil, estudou possibilidades de investimento no País nos últimos seis anos, com mapas de demanda e viabilidade econômica, e optou pelo Paraná pelo conjunto de belezas naturais e capacidade turística.

Segundo Samuel Sicchierolli, presidente do grupo e líder do empreendimento, o investimento no Paraná levou em consideração ainda fatores como renda per capita e bons acessos rodoviários. “Tem a ilha, que é um local privilegiado, mas também a possibilidade de esportes náuticos, acesso com barcos. Os hotéis da rede mantêm um padrão internacional, mas são diferentes entre si. Nós buscamos essa excelência aqui. Além de tudo a organização do Estado ajudou muito”, afirmou.

O hotel na Ilha do Sol vai funcionar de maneira tradicional e também com fração imobiliária, com possibilidade de aquisição de imóvel ou fração de diárias por ano. São 311 unidades (incluindo suítes, bangalôs, chalés e apartamentos studios), três piscinas, três restaurantes e uma área de 2.650 metros quadrados para eventos.

O Hard Rock Hotel Ilha do Sol ficará a 455 quilômetros de Curitiba e 540 de São Paulo. No evento foi assinado um protocolo de intenções pelos prefeitos Jamison Donizete (Sertaneja) e Bruna Casanova (Primeiro de Maio) e o presidente do Grupo VCI, Samuel Sicchierolli, para fortalecer a infraestrutura regional a partir da inauguração do hotel. O Estado também vai contribuir neste processo.

TV - Turismo também é o foco da nova TV Paraná Educativa, que entrou no ar nesta terça-feira (14). A emissora passa a se chamar TV Paraná Turismo e terá como âncoras programas com dicas de viagens, opções da natureza, pescaria, agroturismo, entre outros. Por meio de satélite os programas chegarão a cerca de 28 milhões de pessoas no país, além da população paranaense.

Presenças

Participaram do evento nesta terça-feira (14) os secretários João Carlos Ortega (Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas), Sandro Alex (Infraestrutura e Logística) e o diretor-presidente da Agência Paraná de Desenvolvimento (APD), Eduardo Bekin; os deputados estaduais Tiago Amaral, Cobra Repórter, Alexandre Curi e Luiz Claudio Romanelli; além de prefeitos, vereadores e lideranças do Norte Pioneiro.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.